Bosco José Lopes Rebello da Fonseca Brasil nasceu em Sorocaba, São Paulo, em 27 de março de 1960. Formado pela Escola de Comunicações e Artes da USP, é um dos mais prestigiados dramaturgos brasileiros. Já em sua estreia, em 1994, conquistou os prêmios Moliére e Shell com a peça Budro. Seu texto mais conhecido e encenado, Novas Diretrizes em Tempos de Paz, ganhou o prêmio Shell e APCA de 2001. Entre outras peças, escreveu também Atos e Omissões, O Acidente, Cheiro de Chuva e Blitz. No cinema, roteirizou o curta Máscara Negra e o longa-metragem Tempos de Paz, com direção de Daniel Filho, adaptação de sua peça Novas Diretrizes em Tempos de Paz.

Na televisão, Bosco Brasil estreou em 1994, na equipe do infantil Castelo Rá-Tim-Bum, na TV Cultura. Em 1995, foi um dos roteiristas do remake de As Pupilas do Senhor Reitor, no SBT. Passou pela Globo entre as décadas de 1990 e 2000, como colaborador em várias novelas. Já na Record, assinou sua primeira novela-solo, Bicho do Mato (2006-2007), em parceria com Cristianne Fridman. Em 2010, escreveu Tempos Modernos, na Globo, muito criticada e de baixa audiência.

Década de 1990

  • casteloratimbum_logo

Castelo Rá-Tim-Bum

  • amorestanoar_logo

O Amor Está no Ar

  • anjomau97_logo2

Anjo Mau (1997)

  • torredebabel_logo

Torre de Babel

Década de 2000

  • filhasdamae_logo

As Filhas da Mãe

  • essasmulheres_logo

Essas Mulheres

  • bichodomato2006_logo

Bicho do Mato (2006)

Década de 2010

  • temposmodernos_logo

Tempos Modernos

  • conselhotutelar_logo

Conselho Tutelar