Sinopse

O Coronel Ponciano de Azeredo Furtado é uma espécie de herói picaresco da cidade de Sobradinho. Contador de suas façanhas e seu esforço em lutar contra as mais variadas formas de injustiça: contra o valente de circo, contra o cobrador de impostos, contra o tipo agiota. Espécie de cavaleiro andante das causas perdidas, solteirão rico, é cobiçado pelas mães ansiosas pelo casamento de suas filhas. Apesar de fraco no entendimento de coisas econômicas e administrativas (especulação do açúcar) é um forte na arte de
desencantar assombrações e cair na artimanha de mulheres casadas.

E foi caindo no canto da “sereia” Esmeraldina que o coronel topou com o lobisomen. Com Pernambuco Nogueira, o suposto lobisomen, marido de sua prima Esmeraldina, Ponciano compõe um triânguilo amoroso que termina em tragédia.

Cultura – 22h
de 29 de março a 7 de maio de 1982
30 capítulos

de Chico de Assis
baseada no romance homônimo de José Cândido de Carvalho
direção de Arlindo Pereira

Tele Romance anterior no horário
As Cinco Panelas de Ouro

JONAS MELLO – Coronel Ponciano de Azeredo Furtado
REGINA BRAGA – Alonsa dos Santos
SILVIO ZILBER – Cicarino Dantas
LUIZ SERRA – Seu Totonho Borges (delegado)
HENRIQUE CÉSAR – Juju Bezerra (boticário)
ABRAHÃO FARC – Padre Malaquias de Azevedo
LIANA DUVAL – Francisquinha
EDGARD FRANCO – Jordão Tibiriçá
WÁLTER BREDA – Janjão Caramujo
ALDO BUENO – João Ramalho
SÉRGIO BUCK – Norato
CARLOS KOPPA – Saturnino Barba-de-Gato
EDUARDO ABAS – Seu Salomão
XANDÓ BATISTA – Juca Quintanilha
SÉRGIO LOUREIRO – Juca Azeredo
LUCÉLIA MACHIAVELLI – Julita Matoso
ROSAMARIA PESTANA
PEDRO CASSADOR
JOÃO FRANCISCO
TADEU MENEZES – Tonico (balconista da farmácia)
JOFRE SOARES – Simeão Azeredo Furtado
CLÁUDIA DOS SANTOS
MARIA VASCO
ANTÔNIO LEITE
VALÉRIA CURVELLO RAMOS
ABEL CONSTÂNCIA
PÉRICLES CAMPOS
LÍLIAN SARKIS
WALDIR WER
CILAS GREGÓRIO
NELSON CHIQUINATO
CLÁUDIO DOS SANTOS
CACHIMBO
ROSA MARIA SEABRA
ROSA F. BATISTA
JAIR ASSUMPÇÃO
MAX FABIANO
MARCOS CARUSO
OSWALDO SPÍNOLA
ALICE FARIA
DÉCIO TANGARÁ
JOÃO LOREANO
HELDER SILVA
JOÃO CARVALHO
ZÉLIA MARTINS
CARLOS FRANCO
CLÁUDIA MARIA CAMPOS
Nazaré
Gigante Galante
José Mateus
Uma das melhores adaptações da série Tele Romance da TV Cultura.

Chico de Assis aproveitou bem o clima místico brasileiro da obra de José Cândido de Carvalho. Boas locações, produção cuidadosa e muita garra do elenco, principalmente Jonas Mello, como o Coronel Ponciano.

Em 1994, Jorge Furtado, João Falcão e Guel Arraes adaptaram o mesmo texto para o Brasil Especial, com Marco Nanini (Ponciano), Patrícia Pillar (Esmeraldina) e Paulo Betti (Pernambuco).

O Coronel e o Lobisomem já havia virado filme em 1979. Com o próprio autor do romance atuando como figurante, essa versão de Alcino Diniz chegou a ser exibida no Festival de Cannes daquele ano.

O Coronel e o Lobisomem – às 22h – encerrava o segundo horário de apresentação de Tele Romances, restando apenas o das 19h30.

Chico de Assis também adaptou o livro Paiol Velho para a sére Tele Romance.

A Cultura reprisou O Coronel e o Lobisomem entre 01/08 e 23/09/2005.

Veja também

  • picnicclassec_logo

O Pátio das Donzelas

  • picnicclassec_logo

Nem Rebeldes, Nem Fiéis

  • seuqueque_logo

Seu Quequé

  • picnicclassec_logo

Paiol Velho