Bastidores

A trama narrava as aventuras de três detetives amadores e seus contatos com policiais.

A ideia era contar uma história por mês. Todavia, as modernidades que a série apresentava – estilo cinematográfico, mais externa que estúdio, e uma maneira dinâmica de apresentar a ação – não contou com o agrado do público.

A TV Excelsior, na época vivendo o maior laboratório de novelas da televisão brasileira, dava mais um passo à frente. Porém, assim como a novela Ninguém Crê em Mim (de 1966), era cedo demais para o modernismo em televisão.

Apenas a primeira história foi ao ar: “O Rapto da Boneca“.

Excelsior
abril de 1968

de Marcos Rey
direção de Carlos Zara

FÚLVIO STEFANINI
SUSANA VIEIRA
GONZAGA BLOTA
FELIPE CARONE
FERNANDO BALERONI
YARA LINS
EDGARD FRANCO
ELIZABETH GASPER
EDMUNDO LOPES
NINA FRANCO
LURDINHA FÉLIX
YARATAN LAURETTA
RUY REZENDE
MARIA ISABEL DE LIZANDRA

Veja também

  • excelsior60

Eu e Você