Sinopse

Rita (Tatá Werneck) é uma moça traumatizada, cuja família é a principal causa de seus dramas. Com uma mãe como Dolores (Yara de Novais), extremamente crítica, mal-humorada e, diga-se de passagem, quase que sua inimiga, a balconista de supermercado cresceu achando que foi abandonada pelo pai, aos seis anos, por causa de suas tosses incessantes. Extremamente sincera, nos vídeos que dispara na rede, Rita mostra suas particularidades mais bizarras. Também nos encontros que marca por aplicativos de namoro, o que assusta os candidatos e a desmotiva a insistir em achar a sua cara-metade.

Enzo (Eduardo Sterblitch) também não fica para trás no quesito estranheza. Metódico, introspectivo e com dificuldades para se relacionar – assim como Rita –, ele precisa encarar a missão de dividir o apartamento com Valdir (Luís Lobianco) e sua namorada Brita (Clarice Falcão), dois adeptos do nudismo, sem nenhuma noção de limites. Além de Valdir, ele tem um amigo que fez em seu novo trabalho – Hélio (Rafael Queiroga) – que acaba sendo apresentado à nova colega de Rita, Suzete (Júlia Rabello). Esta, por sua vez, vai dividir com Rita o balcão de informações do supermercado.

Unidos pelas frustrações amorosas causadas por encontros marcados por aplicativos, Rita e Enzo – que, shippados, formam #Rizo – decidem experimentar um romance mais à moda tradicional. A seu lado, os outros dois jovens casais – cada qual com seus medos e desejos típicos do mundo atual – vão embarcar em uma aventura para encontrar o pai de Rita e, assim, ajudá-la a superar os traumas de um passado mal resolvido e de um presente conturbado. Juntos, Rita, Enzo, Valdir, Brita, Suzete e Hélio vão questionar os limites da interação nos dias de hoje e atentar para as ciladas da vida em rede.

Globoplay
estreia: 7 de junho de 2019
12 episódios

série de Alexandre Machado e Fernanda Young
direção de Ricardo Spencer e Renata Porto d’Ave
direção artística de Patricia Pedrosa

TATÁ WERNECK – Rita
EDUARDO STERBLITCH – Enzo
LUÍS LOBIANCO – Valdir
CLARICE FALCÃO – Brita
JÚLIA RABELLO – Suzete
RAFAEL QUEIROGA – Hélio
YARA DE NOVAES – Dolores

Série produzida exclusivamente para o Globoplay, sem previsão de estreia na TV aberta.

O ponto de partida é o encontro entre Rita e Enzo, vividos por Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch, dois jovens que tentam marcar encontros por aplicativos de namoro, mas não se sentem ajustados ao modus operandi das relações modernas que nascem no mundo virtual.
“Por mais ‘likes’ que receba, você vai acabar precisando de alguém para amar”, explicou Fernanda Young, que criou a série com seu marido Alexandre Machado.

Tatá Werneck se destaca, ficando anos-luz dos tipos que interpretou anteriormente em novelas. A graça de sua personagem Rita está na ternura de sua sinceridade melancólica. Enzo, personagem de Eduardo Sterblitch, por sua vez, leva a sério a sua meticulosidade. Os personagens de Shippados, acostumados à exposição do mundo virtual, não escondem suas esquisitices e assumem o que são até com certo orgulho.

A direção optou para a série uma identidade visual retrô a partir dos perfis dos personagens: Rita tem um vlog e gosta de vinis, Valdir gosta de fotografia e Enzo é um sujeito extremamente metódico. A diretora artística Patrícia Pedrosa explicou:
“A gente foi buscando esses elementos e fomos vendo que esses personagens eram de um estilo retrô. Eu acho que isso também deixa a série mais atemporal e é bonito de se ver. Eles são personagens em contraponto às coisas dos dias de hoje, então, justamente por isso eu acho interessante ir a referências mais antigas. Eles são vintage, eles são analógicos.”

Tema de Abertura: ESTIVE – Vanguart

Estive nas casas e apartamentos
Estive em hotéis, estive nas praças
Estive em igrejas, estive nos bares
Sempre a procurar

Estive nas lojas de departamentos
Estive nas ondas, estive nas serras
Esperei o amor vir quebrar a janelas
Pra eu sair daqui

E no outro dia eu vi os teus olhos
Logo em seguida chamou-me num sonho
No terceiro dia eu soube o teu nome
E eu fui tentar

E na tua casa beijei tua alma
No apartamento fui teu sentimento
Cuidei da tua vida com amor e com calma
E ainda estou aqui

Vou embora
Mas vou te levar comigo
Vamos juntos pra ver o sol nascer

Estive nas casas e apartamentos
Estive nos becos e encruzilhadas
Enfim procurei todo o mundo por algo
Que eu só encontrei em você

E na tua casa beijei tua alma
No apartamento fui teu sentimento
Uma vida é pouca
Pra gente ser feliz

Vou embora
Mas vou te levar comigo
Vamos? Vamos?…

Veja também

  • vaderetro

Vade Retro

  • separacao_logo

Separação?!

  • machoman_logo

Macho Man