Sinopse

A tradicional família Jequitibá, composta só de mulheres, descende do fundador da cidadezinha de Caramirim. Elas são conhecidas como “as Jequitibá”. A matriarca Virgínia, mulher amorosa, não esmoreceu quando o marido Augusto a abandonou, morrendo poucos anos depois. Sozinha, passou a apoiar e proteger as filhas: Dora, Alma e Suzana. As três irmãs também se unem em torno da mãe com o mesmo objetivo.

Dora, a mais velha, é viúva. Jovem, bela e inconsequente, gosta do bom e do melhor. Mãe do garoto Marquinho, mora com a sogra, Violeta Áquila, uma mulher rica e arrogante que a culpa pela morte prematura de seu filho, vítima de um acidente automobilístico. Com a chegada do ortopedista Bento, ela inicia um romance que encontra opositores nas famílias dele e de seu falecido marido.

Alma, a filha do meio, é uma médica ginecologista muito competente, embora um pouco atrapalhada e engraçada. Encantadora, é uma idealista que batalha na sua profissão pela condição da mulher, mas que tem um dedinho podre para os homens e ainda não encontrou o “companheiro ideal”. Com o início da doença da mãe, ela volta para Caramirim, onde reencontra Gregg, uma paixão da adolescência.

A mais nova é Suzana, a adotada. Exímia surfista, linda, e esportiva, tem um quê de selvagem e não leva desaforo para casa. Namora Xande, porém a relação mais parece uma dívida de gratidão, já que ele ficou com um defeito na perna ao salvar sua vida. Com a chegada à cidade do surfista Eros, Suzana repensa o compromisso com Xande, levando o rapaz ao desespero.

Também a chegada à Caramirim da misteriosa Waldete, uma mulher despachada, sábia, divertida e sem papas na língua que encanta a muitos, enquanto enche outros de temeridade. Ela sabe segredos do passado da megera Violeta Áquila, que cede à sua chantagem, vendo-se obrigada a empregá-la como governanta em sua mansão.

Globo – 19h
de 15 de setembro de 2008
a 11 de abril de 2009
179 capítulos

novela de Antônio Calmon
escrita por Antônio Calmon e Guilherme Vasconcelos
colaboração de Ângela Carneiro, Adriana Chevalier, Duba Elia, Lícia Manzo, Leandra Pires e Elisa Palatnik
direção de Amora Mautner, Vinícius Coimbra e Cristiano Marques
direção geral de Dennis Carvalho e José Luiz Villamarim
núcleo Dennis Carvalho

Novela anterior no horário
Beleza Pura

Novela posterior
Caras e Bocas

CLÁUDIA ABREU – Dora
GIOVANNA ANTONELLI – Alma
CAROLINA DIECKMANN – Suzana
REGINA DUARTE – Waldete Maria do Nascimento Bezerra / Verônica Ramos
JOSÉ WILKER – Augusto Pinheiro / Lázaro da Assunção
ANA ROSA – Virgínia Jequitibá
VERA HOLTZ – Violeta Áquila
MARCOS PALMEIRA – Bento Rio Preto
PAULO VILHENA – Eros
RODRIGO HILBERT – Gregg (Gregório de Matos)
BRUNO GARCIA – Hércules Galvão
MARCOS CARUSO – Dr. Alcides
MAITÊ PROENÇA – Walkíria Pascolli
MARCELLO NOVAES – Sandro Pedreira
MALU GALLI – Liginha
DUDU AZEVEDO – Xande
CÁSSIO GABUS MENDES – Baby Montenegro
DANIELA RÉCCO – Duda (Maria Eduarda Bulhões da Silveira) / Carlinhos / Laila
KAYKY BRITO – Paulinho
LUIZ GUSTAVO – Vidigal / Nereu Vidigal de Castro / Pinduca Pereira da Silva) / Pupo / Erasmo Trovão
GRAZIELLA MORETTO – Valéria
OTÁVIO AUGUSTO – Chuchu (Arlindo Lamas) / Ramon & Ramon Pallares / Big Little Ronnie
JOHN HERBERT – Excelência Gutierrez / Tubarão Branco
HUGO CARVANA – Dr. Anastácio Andrade / Maluco Beleza
OTHON BASTOS – Dr. Francisco Polidoro
DÉBORA DUARTE – Florinda
ROBERTO BONFIM – Pacífico
AÍLTON GRAÇA – Jacaré (Clodoaldo)
SOLANGE COUTO – Janaína
BIANCA BYINGTON – Gilda Sueli
TATO GABUS MENDES – Orlando Malatesta
BETH GOULART – Leonora
ALOÍSIO DE ABREU – Prefeito Nelson Santana
MALU VALLE – Neuza
GUILHERME PIVA – Glauco Campo Santo
OTÁVIO MÜLLER – Genaro Fortuna
MARIA EDUARDA – Carminha
LEONARDO CARVALHO – Alfredão
ROBERTA RODRIGUES – Neidinha
CECÍLIA DASSI – Natália
IVAN MENDES – Pedro Henrique
PEDRO ROSSA – Luiz Roberto
RAFAEL CIANI – Toninho
JULIANA SCHALCH – Juliana
CAIO VAZ – Thor
OMAR DOCENA – Jerry
ANTÔNIA FRERING – Silvie L’Eclair
SIDY CORRÊA – Sávio
CARLOS LOFFLER – Adamastor Pamplona
KENYA COSTA – Iracema
SYBETH SORIANO – Borborema
ANA PAULA BOTELHO – Moema
ESTRELA BLANCO – Mel
MALU RODRIGUES – Marina
CRÉO KELLAB – Anacleto
KELZY ECARD – Geiza
BETO VANDESTEEN – Polenta
as crianças e pré-adolescentes
VITOR NOVELLO – Marquinhos (Marco Aurélio Jequitibá Áquila)
THAVYNE FERRARI – Rafinha
MATHEUS COSTA – Lucas
RACHEL DE QUEIROZ – Zara
BRENNO LEONE – Zig
CAIO VYDAL – Gibo
DEDÉ DE SOUZA – Guga
e
ALEXANDRE BORGES – Artur Áquila (filho de Alcides e Violeta, marido de Dora, falecido)
ALINE JONES – amante de Robinho nos primeiros capítulos
ANDRÉ DALE – Plasma (pit-boy amigo de Luís Carlos “Mamute”)
BETO QUIRINO – Tião das Cabras (cliente da funerária de Glauco)
CARLOS MECENI – Pietro
DAVI DE CARVALHO
DOUGLAS CAMPIGOTTO – Orelha (pit-boy amigo de Luís Carlos “Mamute”)
EMANUELLE ARAÚJO – Soninha Rainha (ex-namorada de Gregg)
ERIBERTO LEÃO – Robinho (ex-namorado de Alma)
ERIK MARMO – Dr. Rios (substituto do Dr. Polidoro)
ERNANI MORAES – promotor no julgamento de Dora
ESTHER JABLONSKI – funcionária do orfanato em que Toninho fora deixado quando pequeno
FÁBIO NASCIMENTO
FERNANDA CAETANO
FERNANDO BICUDO – Dr. César Napoleão Maradona
HÉLIO RIBEIRO – delegado
HENRIQUE TAXMAN – oficial de justiça
IARA JAMRA – Lulu Fonseca (Luzinete Fonseca) / Lulu de Sabah (amiga que Waldete contrata para abrir o cofre de Violeta)
JOSÉ LORETO – Luís Carlos “Mamute” (pit-boy que briga com Paulinho na escola)
JOSÉ RUBENS CHACHÁ – delegado de Caraguaçú
JITMAN VIBRANOVSKI – juiz no divórcio de Alma e Gregg
LUA BLANCO – garçonete na loja de sucos de Liginha
LUCÍLIA DE ASSIS – Izabel (malabarista, amante de Augusto que o ajudou a fugir do incêndio no circo)
MARCONDES CAVALCANTI
MARIA MANOELA – Teresa Rio Preto (esposa de Bento que morre no parto)
MIGUEL NADER – capanga de Gilda Sueli
NÍVEA STELMANN – Karen (assistente de Walkíria em Bali)
PAULO JHOW
PAULO VESPÚCIO – Zorro
SANDRO XIMENES – recepcionista no hotel de Caramirim
TATYANE MEYER – Bárbara (namorada surfista de Paulinho)
THALITA CARAUTA – presidiária amiga de Waldete e Lulu

– núcleo de VIRGÍNIA JEQUITIBÁ (Ana Rosa), mulher doce e amorosa, sábia, dona de uma farmácia na cidade litorânea de Caramirim. Sofre em silêncio por ter sido abandonada pelo marido, a quem idolatrava. De valores sólidos, empenhou-se na formação de suas três filhas. Sofre um AVC e preocupa as filhas:
o marido AUGUSTO (José Wilker), boêmio, de temperamento aventureiro, levava uma vida errante, sumindo por longas temporadas. Seu sonho era ser mágico de circo, por isso partiu deixando a família. Morreu ao salvar crianças durante um incêndio no circo em que trabalhava. Graças a isso, encontra uma chance de redenção. ao chegar ao céu, recebe uma segunda oportunidade: corrigir o mal que fez ao abandonar a família. Quando Virgínia adoece, surge para ajudá-la a cuidar das filhas
as filhas: DORA (Claudia Abreu), a mais velha, tem espírito de grã-fina, gosta do bom e do melhor. Deslumbrada, ambiciosa e deliciosamente fútil. Seu casamento com um rapaz rico não foi por interesse. Desde a morte do marido em um acidente de carro, enfrenta a oposição da sogra, que a responsabiliza pela perda do filho,
ALMA (Giovanna Antonelli), a do meio. Bonita e atraente, porém sem tempo para futilidades. Competente médica ginecologista, morava no Rio de Janeiro. Sua vida pessoal e amorosa é um desastre: tem “dedo podre” para homens. Desajeitada e trapalhona, faz as coisas certas muitas vezes da maneira errada. Apegada à família, quando a mãe adoece retorna a Caramirim e reencontra dois amores do passado,
e SUZANA (Carolina Dieckmann), a caçula. Adotada, apesar do carinho da família, sente-se rejeitada. Embora frágil emocionalmente, tem um caráter forte. Exímia surfista, linda e esportiva. É professora de Geografia na escola de Caramirim. Tem um namorado, embora não seja apaixonada por ele. Na verdade, sente-se em dívida com o rapaz, por ele ter salvado sua vida, o que o deixou com um defeito na perna
GREGG (Rodrigo Hilbert), espécie de agregado da família, em cuja farmácia trabalhou desde rapazinho. Nesta época, apaixonou-se por Alma, mas, pobre e tímido, nunca teve coragem de se declarar. Quando Alma ficou noiva, partiu da cidade sem sequer se despedir, com a intenção de nunca mais voltar. Excelente surfista, viveu anos como um andarilho, de praia em praia, mundo afora, até resolver morar em Bali. Quando Virgínia adoece e Alma retorna à cidade, Gregg reaparece para ajudar na farmácia e tentar finalmente conquistar seu grande amor.

– núcleo de VIOLETA ÁQUILA (Vera Holtz), rica, poderosa e arrogante, se considera a “dona” da região. Casada, viveu no passado um caso com Augusto. Quando ele foi embora de Caramirim, estava pronta para fugir com ele, mas foi deixada para trás e teve que voltar para casa. Por isso, descarrega seu ódio nas mulheres Jequitibá, a única família que Augusto amou verdadeiramente. Nunca superou a morte do filho mais velho, Arthur, e culpa a nora, Dora, pelo acidente de carro que o vitimou. Guarda segredos do passado:
o marido ALCIDES (Marcos Caruso), sereno e sem qualquer imponência, tem um coração enorme. Ao contrário da mulher, é uma alma a serviço do bem. Conhece bem o caráter dela, mas não tem forças para enfrentá-la. Médico dedicado, visita seus pacientes em casa e atende a pobres e ricos indiferentemente
o filho caçula PAULINHO (Kayky Brito), surfista, rebelde, é um pós-adolescente problemático, mimado pela mãe. Com os hormônios em ebulição, sente-se fortemente atraído pela cunhada Dora
o neto MARQUINHO (Vitor Novello), filho de Arthur e Dora, o seu xodó. Objeto de disputa entre a avó e a mãe. Inteligente, carinhoso e doce. Diferente dos outros meninos da sua idade, é bem educado e está sempre impecavelmente bem vestido
a governanta WALDETE (Regina Duarte), “com W”, como faz questão de frisar. Figura misteriosa que chegou a Caramirim no início da trama. Despachada, pragmática, sábia, divertida e sem papas na língua. Respeitada, admirada e querida por muitos, mas também detestada, e até mesmo temida, por outros. Ameaçando revelar um grave segredo de Violeta, ela praticamente se impõe para trabalhar como governanta na casa dos Áquila. No início, todos estranham sua presença na casa, mas, aos poucos, vai conquistando os membros da família – menos Violeta, claro!
o amigo de Waldete, DR. FRANCISCO POLIDORO (Othon Bastos), advogado, sabe sobre o passado dela.

– núcleo de BENTO (Marcos Palmeira), médico ortopedista que faz uma brilhante carreira no Rio de Janeiro até a morte da esposa, Tereza. A viuvez o transformou em um homem atormentado, em crise até mesmo com a profissão. Foi um surfista campeão e só não se profissionalizou por causa de seu outro amor: a Medicina. Quando retorna à Praia Azul, é justamente o surfe que vai lhe ajudar a superar a morte da mulher. Aos poucos, com o apoio de Virgínia e do Dr. Alcides, redescobre a sua vocação como médico e passa a trabalhar no ambulatório de Caramirim. No meio desse processo, acaba se envolvendo com Dora, o que o deixa um pouco confuso:
os filhos: RAFINHA (Thavyne Ferrari), menina madura para sua idade. Cuida do irmão menor com carinho quase maternal. Inteligente, possessiva e com personalidade forte, tem ciúmes do pai e fará de tudo para atrapalhar seu romance com Dora. No meio do processo de adaptação a uma nova vida, vai descobrir o amor,
e LUCAS (Matheus Costa), garoto inteligente, carinhoso, brincalhão e cheio de imaginação. Abatido com morte da mãe, quando chega à Praia Azul, se depara com um verdadeiro paraíso, ao lado de novos e antigos amigos. Ao contrário da irmã, vai apoiar o romance de pai e Dora.

– núcleo de SANDRO (Marcello Novaes), surfista respeitado por todos da região. Com espírito de liderança, é um dos principais defensores da Praia Azul contra a ameaça dos que querem depredá-la. Tem uma loja de artigos de surfe em Caramirim. Melhor amigo de Bento, é ele quem vai buscar o médico no Rio de Janeiro quando Tereza morre. Sua vida é abalada pela chegada de um filho que ele ainda não conhecia e que o enfrenta com rebeldia:
a mulher LIGINHA (Malu Galli), espontânea, serena e de bem com a vida – uma espécie de mãe de todos, apesar da juventude. Sua principal ocupação é comandar a casa de sucos “Suco de Luz”, ao lado da loja do marido
os filhos: THOR (Caio Vaz), talentoso surfista. Tímido, tem uma ótima relação com os pais e o irmão,
e ZIG (Brenno Leone), o caçula. Tem um jeito espontâneo e extrovertido de ser e de surfar, por isso leva mais tombos do que o normal. Isso é motivo de brincadeiras por parte de Thor e dos amigos. É um menino alegre e muitas vezes se diverte provocando o irmão mais velho. Apesar disso, é com ele que divide suas inquietações e dúvidas em relação às meninas
a sogra FLORINDA (Débora Duarte), mãe de Liginha. Enfermeira do ambulatório do Dr. Alcides, inicialmente implica com Alma, que vai trabalhar lá, mas logo se torna sua amiga
o amigo PACÍFICO (Roberto Bonfim), pescador respeitado e amante do mar. Ao lado de Sandro, organiza a resistência ao projeto de construção de um complexo hoteleiro na região liderado por Violeta e outros poderosos. Apesar da rixa com Violeta, é muito amigo do Dr. Alcides, marido dela. Viúvo, perdeu o único filho e a nora, restando-lhe o neto para criar. Tenta proibir o neto de jogar futebol, com medo que ele se afaste dos estudos. Fica muito amigo de Waldete, que vai morar em sua casa. É alvo da paixão de Florinda
o neto de Pacífico, GIBO (Caio Vydal), menino esperto e um talentoso jogador de futebol. Luta para pertencer ao time de Caramirim, mas para isto precisa enfrentar a oposição do avô, que não quer que ele jogue futebol. De outro lado, conta com o apoio de Bento e a proteção de Waldete. Não percebe o interesse afetivo de Rafinha
a namorada de Thor, MEL (Estrela Blanco), delicada e romântica, adora praia e surfe
a amiga de Mel, ZARA (Raquel de Queiroz), é a grande paixão de Zig, que está sempre tentando se aproximar dela.

– núcleo de EROS (Paulo Vilhena), um excelente surfista, o filho que Sandro não conhecia. Já viajou o mundo inteiro em busca das melhores praias – inclusive Bali, onde se tornou amigo de Gregg. Quando sua mãe desiste de sustentá-lo e resolve deixá-lo sozinho para cuidar da própria vida, finalmente revela, depois de 25 anos, quem é seu pai e onde ele mora. Ao conhecer Sandro, fica dividido entre o rancor e a admiração. Impulsivo, provocador e bem-humorado, ele se parece demais com o pai. No surfe, apesar de travar disputas antológicas com Sandro, encontra em Paulinho seu maior rival. Vai viver um atribulado romance com Suzana:
a mãe, WALKÍRIA (Maitê Proença), importante jornalista de moda. Mulher de temperamento forte e dominador. Elegante, sofisticada e cosmopolita, construiu uma sólida carreira. Foi apaixonada por Sandro e, apesar da personalidade forte, sofreu quando ele a deixou para ficar com Liginha. Por causa disso, escondeu de Sandro que estava grávida. E escondeu de Eros a identidade do pai, criando sozinha o filho
a secretária de Walkíria, CARMINHA (Maria Eduarda)
o amigo JERRY (Omar Docena), surfista, também amigo de Gregg.

– núcleo de JACARÉ (Aílton Graça), pescador, típico malandro de praia, gente boa. No passado, se encantou por uma famosa atriz francesa que passou por Caramirim e com quem se envolveu durante um único dia. Ainda obcecado, coleciona secretamente tudo o que se relacione com ela. Mas acabou se casando com outra. Não é muito de pegar no batente, mas ajuda a mulher, dona de uma pousada:
a mulher JANAÍNA (Solange Couto), mulata bonita, divertida e de personalidade forte, dona da pousada da Praia Azul. Não se conforma com o fato do marido ainda suspirar pela atriz francesa do passado. Seu maior temor é que ela reapareça e ele tenha uma recaída. Aliada e protetora incondicional de Virgínia. Torna-se grande amiga de Waldete, apesar de desconfiar das mentiras que ela conta
a paixão do passado SYLVIE L´ECLAIR (Antônia Frering), atriz francesa de grande sucesso na década de 1980. Bonita, charmosa e sofisticada. Conheceu Jacaré ao fazer parte de um filme rodado na Praia Azul. Para surpresa de muitos, inclusive do próprio Jacaré, Sylvie também nunca o esqueceu
o agregado TONINHO (Rafael Ciani), ex-menino de rua que Janaína acolheu em sua pousada. Trabalha como ajudante na farmácia de Virgínia, que o protege e o estimula a estudar. Garoto maduro, alegre e sem ressentimentos. É amigo e confidente de Gibo. Estuda no colégio de Caramirim e sonha em jogar no time local como goleiro. Aos poucos vai se aproximar de Rafinha e viver uma bonita relação com ela
a funcionária da pousada NEIDINHA (Roberta Rodrigues), morena bonita, sonsa, fofoqueira, acomodada, invejosa e de caráter duvidoso. É cooptada por Violeta para ser sua informante sobre tudo o que acontece na Praia Azul.

– núcleo de HÉRCULES GALVÃO (Bruno Garcia), emergente de Caramirim, domina praticamente todo o comércio local, cuja loja principal é o Mercado e Peixaria Tubarão Branco. Ladino e inescrupuloso, como o pai. Por causa de sua origem, é desprezado por Violeta, sua cúmplice no projeto de transformação da Praia Azul e do centro histórico de Caramirim. Submete-se ao poder dela mas, quando é preciso, sabe driblar a megera. Mantém uma rivalidade constante com outro de seus “sócios”, o prefeito. É técnico do time de futebol infanto-juvenil da cidade e, nessa função, sabe reconhecer o talento dos meninos. Por esse motivo, bate de frente com o prefeito, que protege o filho que integra a equipe. Sua vida é abalada pela chegada de Alma, com quem teve um romance na juventude. Arrependido por tê-la deixado escapar, luta para reconquistar a médica – mesmo enfrentando a rivalidade de Gregg e a oposição da filha:
o pai TUBARÃO BRANCO (John Herbert), pescador que enriqueceu à custa de explorar seus próprios companheiros
o irmão mais novo XANDE (Dudu Azevedo), rapaz simples e romântico. Formado em Administração, gerencia e ajuda a cuidar dos negócios do irmão. Ao contrário dele, tem bom caráter. Apaixonado por Suzana, salvou sua vida na adolescência, evitando que ela fosse atropelada. A consequência de seu ato heroico foi um defeito na perna que o impede de praticar esportes. Percebe que Suzana não o ama tanto quanto ele a ama, mas tenta convencer-se do contrário. Fica noivo de Suzana, mesmo temendo que ela o aceite apenas por culpa e agradecimento. Fica perdido quando Eros surge em Caramirim e Suzana se interessa por ele
a filha JULIANA (Juliana Schalch), bonita, excelente surfista, mas de temperamento explosivo. Malcriada, mimada e voluntariosa. Revoltada, culpa o pai por ter sido abandonada pela mãe. Apaixonada pelo namorado, Paulinho, mas, ciumenta, sofre muito com seus descasos.

– núcleo de NELSON SANTANA (Aloísio de Abreu), prefeito de Caramirim e um dos principais aliados de Violeta. Fanático por futebol, é fã e grande parceiro do filho mais novo, a quem tenta favorecer no time infanto-juvenil que patrocina e do qual Hércules é o técnico. Tem uma relação difícil com o primogênito, principalmente depois que ele engravida a namorada. É um marido frio e desinteressado e vive um casamento sem amor. Bajula Violeta, de quem ouve os piores insultos. É um homem ambicioso, desastrado e um tanto cômico:
a mulher NEUZA (Malu Valle), ao contrário do marido, tem um excelente caráter. É uma mãe meiga e interessada, e uma esposa complacente. Sabe que o marido não a ama mais e tenta sublimar essa carência. Apesar disto, a vida não a deixou amarga. A descoberta de um caroço no seio estreita seu contato com Alma, e as duas se tornam amigas. A partir daí, Neuza passa a ser aliada da médica na conscientização das mulheres da cidade sobre a prevenção e o tratamento de doenças
os filhos: PEDRO HENRIQUE (Ivan Mendes), surfista bon vivant. É tratado com dureza pelo pai. Diante da gravidez da namorada, fica desconcertado e tenta fugir da responsabilidade. Despreparado para as funções de pai e marido, permanece na casa dos pais depois do casamento, com a condição de conseguir um emprego. Contra a vontade, começa a trabalhar na peixaria de Hércules, surfando escondido do pai em suas horas vagas,
e LUIZ ROBERTO (Pedro Rossa), excelente jogador de futebol. Apesar de mimado e de ser o preferido do pai, é um garoto sensível e correto. Sua posição no time de futebol é ameaçada por Gibo, que se torna seu grande rival no esporte e também no amor
o assessor GLAUCO CAMPO SANTO (Guilherme Piva), seu braço direito, cúmplice e confidente. Também colabora servilmente com as vilanias de Violeta. Venenoso, dissimulado e mau caráter. Quando Nelson não está em seu gabinete, aproveita o ambiente para fantasiar que é o prefeito. Tem atração por Neidinha, que o esnoba e para quem tenta se mostrar poderoso. Também é dono da funerária da cidade, que está quase fechando as portas por falta de clientes
o funcionário da funerária de Glauco, SÁVIO (Sidy Correa), o patrão o manda fazer rondas em hospitais em busca de potenciais clientes
a amiga de Luiz Roberto, MARINA (Malu Rodrigues), bonita, porém egoísta e altiva. Bajula o rapaz, mas finge se interessar por Gibo quando ele se torna o grande craque do time de futebol.

– núcleo de ORLANDO MALATESTA (Tato Gabus Mendes), dono do restaurante mais movimentado de Caramirim, a Cantina Capuleto. Excelente pessoa e bom pai de família. Ainda é apaixonado pela mulher apesar da pouca atenção que ela lhe dá. Como bom italiano da Sicília, é exagerado e emotivo. Se faz de durão, mas tem um coração grande. Tem simpatia por Neuza, de quem vai se aproximar ao longo da trama:
a mulher LEONORA (Beth Goulart), orgulhosa de suas raízes aristocráticas, mas se ressente de ter casado com um homem sem estirpe. Deslumbrada, gasta em futilidades o dinheiro que o marido não tem e acredita que a vida não lhe deu aquilo que ela merece. Torna-se aliada e confidente de Violeta, a quem admira e bajula, nem sempre com sucesso. Invejosa e interesseira, resiste em aceitar a gravidez precoce da filha. Tem interesse em Nelson e se aproximará do prefeito fingindo ser amiga de Neuza. Para prejudicá-la, dará conselhos ridículos sobre como se vestir e conquistar o marido, o que sempre dá errado
os filhos: ALFREDÃO (Leonardo Carvalho), trabalha na cantina com o pai, mas, sempre que pode, dá uma escapada para surfar na Praia Azul, onde adora tirar onda com as meninas e os surfistas. Amigo de Paulinho e de Pedro Henrique, apaixona-se por Juliana, que aceita sua corte, mas o maltrata. Não é mau rapaz, porém, por ter uma inteligência curta, acaba sendo facilmente manipulável,
e NATÁLIA (Cecília Dassi), moça doce, inconsequente e ingênua, que engravida do namorado Pedro Henrique. Sem o apoio da mãe, procura adaptar-se como pode a essa situação e para isto conta com a ajuda de Neuza, a sogra. Diz que detesta o marido e daria tudo para levar a vida que tinha antes da gravidez. Depois de casada, continua morando com os pais, mas aos poucos vai redescobrindo Pedro Henrique. Amadurece com a maternidade e se torna amiga de Alma.

– núcleo de VIDIGAL (Luiz Gustavo), um tipo mafioso, corrupto convicto e descarado. Mas não passa de um picareta risível. Conquistou o coração de uma viúva milionária e se casou com ela, dando o golpe do baú. Amante da secretária, com a metade de sua idade. Sócio do projeto hoteleiro a ser instalado na Praia Azul e aliado de Violeta:
a enteada DUDA (Daniela Récco), moça solitária, de família rica, dona de uma rede de empreendimentos hoteleiros. Era feliz junto à mãe mesmo tendo perdido o pai quando criança. Porém, a mãe casou-se com Vidigal. Quando ela morreu, Duda investigou sua morte e descobriu que ela foi assassinada pelo padrasto. Por causa disso, e por ser a única herdeira da fortuna da família, é perseguida por ele. Ao fugir, Duda é salva por Alma e as duas ficam amigas. Quando Alma parte para Caramirim, leva Duda consigo. Para escapar dos algozes, Duda usa variados disfarces, entre eles o de CARLINHOS, um menino estranho e rebelde, e sua irmã gêmea LAILA. Seus problemas se acentuam quando ela se encanta por Paulinho e Eros
a amante VALÉRIA (Graziella Moretto), para disfarçar seu papel de destaque na quadrilha, esconde a inteligência fina e malévola que a move. Principal articuladora das vilanias atribuídas a Vidigal, participou ativamente do plano para matar a mulher dele, aprisionar Duda e se apossar da fortuna da garota
o comparsa CHUCHU (Otávio Augusto), malandro, considera-se um conquistador irresistível. Vidigal, de quem foi cúmplice de golpes no passado, contrata-o para interpretar um empresário espanhol, RAMON Y RAMON PALLARES. Seu disfarce, surpreendentemente, funciona com os vilões de Caramirim, principalmente com Violeta, que em seu provincianismo o acha um homem galante e educado. Sua ignorância às vezes funciona ao contrário, fazendo com que pareça inteligente. Só não consegue enganar Vidigal, que aos poucos se arrepende de tê-lo trazido para aquela jogada. O passado de Chuchu vem à tona quando ele é reconhecido por Waldete, que o relaciona aos mistérios que ela própria esconde
o capanga ANACLETO (Créo Kallab)
o advogado da família de Duda, DR. ANASTÁCIO ANDRADE (Hugo Carvana), português imponente, firme e exigente. Muito amigo de falecido pai de Duda.

Juventude e surfe são temas recorrentes na obra de Antônio Calmon, que roteirizou os clássicos Menino do Rio (1982) e Garota Dourada (1984) no cinema. Também temas frequentes em suas tramas novelísticas, o surfe e o cotidiano litorâneo serviram como base para Três Irmãs, tal qual Top Model (1989), Vamp (1991), Cara e Coroa (1995) e Corpo Dourado (1998). Três Irmãs também abordou assuntos como especulação imobiliária, descaracterização de uma cidade histórica e a Ecologia.

Mesmo assim, Três Irmãs acendeu o alerta amarelo para o esgotamento da fórmula (surfe-adolescentes-cidade litorânea) do autor em suas novelas.
Apesar de ter estreado bem no Ibope, a novela foi perdendo público a cada mês de exibição. Acabou por não escapar do título de novela das sete com a pior média geral da história, até então: 24 pontos na Grande São Paulo.

A escalação do elenco sofreu alguns percalços. A personagem Virgínia foi oferecida a Regina Duarte, mas a atriz preferiu interpretar a governanta Waldete, alegando ser esta a primeira personagem do tipo em sua carreira. Com a recusa de Regina, Renée de Vielmond foi convidada para juntar-se ao elenco, mas preferiu manter-se afastada da televisão. Então, Nívea Maria foi escalada para o papel de mãe das três irmãs, porém a atriz foi substituída por Ana Rosa.

O trio de trambiqueiros Valéria, Vidigal e Chuchu – dos personagens mais populares de Três Irmãs – teve que deixar a trama. Graziela Moretto, a Valéria, deixou a novela quando descobriu-se grávida. Já os seus parceiros de cena, os atores Luiz Gustavo (Vidigal) e Otávio Augusto (Chuchu), saíram sem maiores explicações.

O ator Marcello Novaes foi vítima de uma agressão física (um soco) que o deixou ferido e afastado da novela por um tempo. O episódio ocorreu em uma boate no Rio de Janeiro em novembro de 2008.

Solange Couto, por sua vez, também teve que ficar afastada. Em dezembro de 2008, a atriz foi vítima de uma isquemia cerebral – formação de um coágulo em uma artéria do cérebro. Logo depois de recuperada, a atriz voltou à novela.

Em busca de ondas perfeitas e um belo visual, a equipe de Três Irmãs viajou para Bali, na Indonésia, para gravar as primeiras cenas da trama. O objetivo foi mostrar não só as praias, mas também a cultura e o povo daquele país. A novela contou também com cenas gravadas nas praias de Grumari e da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e também em algumas praias de Florianópolis.

Completamente inexperientes na prática do surfe, e para a devida composição de seus personagens, os atores Marcos Palmeira e Carolina Dieckmann participaram de aulas sobre o esporte nas praias cariocas.

Dennis Carvalho foi a Las Vegas comprar um software que permitia justapor o rosto do ator ao de um surfista profissional em ação. Em seguida, Carolina Dieckmann e Rodrigo Hilbert foram a Los Angeles fazer suas respectivas fotos em 3D, para que estas pudessem ser inseridas nos efeitos realizados pelo programa.

O figurino foi assinado por Helena Gastal. Regina Duarte participou com algumas sugestões para sua personagem Waldete. O guarda-chuva, por exemplo, foi comprado pela atriz em Paris e era uma alusão a Mary Poppins, personagem vivida no cinema por Julie Andrews.

Para as chamadas de estreia, a Globo usou um recurso inédito até então: inseriu uma espécie de teaser (pequenas divulgações animadas) nos encerramentos das novelas no ar. As chamadinhas apareciam dividindo a tela com os encerramentos. A partir de então, este recurso passou a ser fartamente usado.

Na manhã do dia 18/07/2008, um princípio de incêndio atingiu parte da cidade cenográfica em construção da novela. O fogo foi rapidamente debelado pela Brigada de Incêndio da Central Globo de Produção, sem que ninguém tivesse ficado ferido. A recuperação das instalações não prejudicou o cronograma de gravação da novela, uma vez que a área danificada representou apenas algo em torno de 15% desta cidade cenográfica.

Depois da cantora californiana Colbie Caillat (cuja música Midnight Bottle fez parte da trilha da novela) fazer uma participação em Três Irmãs, foi a vez do cantor australiano Pete Murray aparecer. Ele, que cantava Summer Eureka, gravou suas cenas no Rio de Janeiro em dezembro de 2008.
Lulu Santos também apareceu cantando, em um show para os frequentadores da Praia Azul, no último capítulo.

Alma (Giovanna Antonelli), Suzana (Carolina Dieckmann) e Dora (Claudia Abreu) viraram produtos de beleza. Em parceria com a Globo Marcas, a marca de cosméticos Embelleze criou a linha hidratação para cabelos “Novex Três Irmãs”.

Trilha Sonora 1

tresirmast1
01. MIDNIGHT BOTTLE – Colbie Caillat (tema de Dora e Bento)
02. 10 CONTADOS – Céu (tema geral)
03. MORENA NATIVA – Armandinho (tema do núcleo da Pousada Azul)
04. SUMMER AT EUREKA – Pete Murray (tema romântico geral)
05. SONÍFERA ILHA / SKA (ao vivo) – Paralamas do Sucesso & Titãs (tema dos surfistas)
06. MAIS – Capital Inicial (tema geral)
07. BARBARA ANN – The Beach Boys (tema dos surfistas)
08. MAIOR ABANDONADO – Léo Jaime (tema de Alma e Galvão)
09. MOÇA – Caetano Veloso (tema de Suzana e Xande)
10. E NÃO VOU MAIS DEIXAR VOCÊ TÃO SÓ – Liah (tema de Alma e Gregg)
11. MEDO DE AMAR Nº 2 (ao vivo) – Simone (tema de Alcides e Walkíria)
12. NÃO É PROIBIDO – Marisa Monte (tema das crianças)
13. ESQUISITO – Tânia Christal (tema de Waldete)
14. MARACANGALHA – Diogo Nogueira (tema de Vidigal e Chuchu)
15. DON´T WORRY, BE HAPPY – Mart’nália (tema de abertura)
16. SOL, SOM, SURF E SAL (SURFIN´SAFARI) – João Penca e Seus Miquinhos Amestrados (tema dos surfistas)
17. MEU ERRO (ao vivo) – Paralamas do Sucesso & Titãs (tema de Duda)

Trilha Sonora 2

tresirmast2
01. LOVERS IN JAPAN – Coldplay (tema de Duda e Paulinho)
02. YOU MAKE IT REAL – James Morrison (tema romântico geral)
03. MEU MUNDO É O BARRO – O Rappa (tema de Alfredão e Neidinha)
04. BRAND NEW START – Little Joy (tema das crianças)
05. DESABAFO / DEIXA EU DIZER – Marcelo D2 e Cláudia (tema geral)
06. GRILOS – Marina Machado (tema de Alma e Gregg)
07. DE REPENTE CALIFÓRNIA – Lulu Santos (tema de Sandro)
08. LITTLE FAVOURS – KT Tunstall (tema geral)
09. NÓS VAMOS INVADIR SUA PRAIA – Pitty (tema do núcleo dos vilões)
10. DO YA – Mcfly (tema dos surfistas)
11. MR. ROCK´N ROLL – Amy Macdonald (tema de Suzana e Eros)
12. UM DIA DESSES – Adriana Calcanhoto (participação especial Moreno Veloso) (tema de Waldete)
13. WHEN I FALL IN LOVE – Cídia e Dan (tema de Waldete e Alcides)
14. SWAY (QUIÉN SERÁ) – Michael Bublé (tema de Nelson e Adamastor)
15. J´AI DEUX AMOURS (DUE AMORI) – Madeleine Peyroux (tema de Sylvie)
16. I´VE GOT YOU UNDER MY SKIN – Ronaldo Canto e Mello (tema de Alcides e Walquíria)
17. LOVE ME TENDER – Ed Wilson (tema de Augusto e Virgínia)
18. QUIZÁS, QUIZÁS, QUIZÁS – Emmanuel (tema de Sueli)
19. NEIDINHA – Chico Carvalho (tema de Gregg e Soninha)

Trilha Sonora Instrumental (músicas de Mú Carvalho)

tresirmast3
01. TEMA DE BALI (tema de locação – Praia Azul)
02. DEIXE O SOL ENTRAR (tema geral)
03. ON THE ROAD AGAIN (tema geral)
04. MEET ME AT THE PEER (PEER 70) (tema geral)
05. PURPLE SUNSET (tema romântico geral)
06. TAKE THE TRAIN (tema dos surfistas)
07. WHAT IS RIGHT, WHAT IS WRONG? (tema dos surfistas)
08. DEPOIS DO PÔR DO SOL (tema de locação – Caramirim)
09. SURF MMC N° 3 (tema de Alma)
10. PRAIA AZUL (tema de locação – Caramirim)
11. PODEROSO GENARO (tema de Genaro)
12. BAD COP (tema de Violeta)
13. MANCÍNICA (tema de Glauco e Sávio)
14. GAFE NA GAFIEIRA
15. RETRÔ MOVIE 1 (tema de Violeta)
16. RETRÔ MOVIE 2
17. RETRÔ MOVIE 3
18. TRISTE GAIJIN (tema de Waldete)

Tema de Abertura: DON´T WORRY, BE HAPPY – Mart’nália

Tô indo lá pros States
Diretamente de Vila Isabel

Here is a little song I wrote
You might want to sing it note for note
Don’t worry, be happy

In every life we have some trouble
But when you worry, you make it double
Don’t worry, be happy

Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá

Ain’t got no place to lay your head
Somebody came and took your bed
Don’t worry, be happy

The landlord say your rent is late
He may have to litigate
Don’t worry, be happy

Don’t worry, pra não se estressar
Be happy, pra se alegrar
Relax, que tudo fica diferente

Stress faz adoecer
Amor, rejuvenescer
Sorria mais, leve a vida simplesmente

Ain’t got no cash, ain’t got no style
Ain’t got no girl to make you smile
Liga não, be happy

‘Cause when you worry
Your face will frown
And that will bring everybody down
So don’t worry, deixa pra lá, be happy

Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Olha a gentileza, olha a gentileza

Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Vamos simbora, don’t worry

Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Deixa pra lá, vem pra cá, o que é que tem

Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
É samba ou não é. é samba!

Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá
Uh, uh, uh, lalalá, lalalá, lalaiá…

Veja também

  • corpodourado_logo

Corpo Dourado

  • umanjocaiudoceu_logo

Um Anjo Caiu do Céu

  • beijodovampiro_logo

O Beijo do Vampiro

  • comecardenovo_logo

Começar de Novo