Sinopse

Valquíria, após a morte do marido, sai da pequena cidade de São João do Barreiro, interior de São Paulo, em busca de realização profissional, junto com sua melhor amiga, Irene. Nessa nova fase de suas vidas, Valquíria e Irene encontram um amor em comum de trinta anos atrás, Montenegro. Esse encontro é marcado por muitos desencontros, inclusive a dificuldade de Montenegro e Valquíria ficarem juntos definitivamente.

Paralelamente, outras tramas são desenvolvidas: a de Suzana, filha de Valquíria que descobre ser Montenegro seu verdadeiro pai e não o aceita; e a dos vários moradores da pensão do Piconês, onde Valquíria mora, que buscam sucesso profissional e realização amorosa.

Bandeirantes – 19h
de 24 de julho de 1995
a 19 de janeiro de 1996
139 capítulos

novela de Alcione Araújo
escrita por Alcione Araújo e Regina Braga
direção de Jayme Monjardim e Marcos Schechtmann
codireção de Luiz Armando Queiróz
direção geral de Jayme Monjardim
coprodução TV Plus

Novela posterior no horário
O Campeão

BETTY FARIA – Valquíria
ÂNGELA VIEIRA – Irene
ADRIANO REYS – Montenegro
ANTÔNIO ABUJAMRA – Piconês
TAUMATURGO FERREIRA – Arruda
IMARA REIS – Eleonora
DANIELA ESCOBAR – Gaby
JUCA DE OLIVEIRA – Jordão
CLÁUDIA MISSURA – Calu
EDUARDO CONDE – Germano
MAURÍCIO BRANCO – Paulo Henrique
ÍRIS BUSTAMANTE – Marina
FELIPE CAMARGO – Otávio
PAULO GOULART – Zé Rúbens
HAROLDO COSTA – Altino
EXPEDITO BARREIRA – Werneck
FÁTIMA FREIRE – Maria Clara
IRACEMA STARLING – Suzana
HELENA LAUREANO – Tereza
FERNANDO VIEIRA – Nino
MIGUEL LUNARDI – Otto
CHARLES MYARA – Bira
TÂNIA BONDEZAN – Olga
BETH GOULART – Otília
ELIAS ANDREATTO – Aquino
LUÍS CARLOS ARUTIN – André
RENATA FRONZI – Gertrudes
CLÁUDIA PROVEDEL – Nanda
CHRISTIANA GUINLE – Isildinha
CRISTINA DANTAS – Cecília
JAIME LEIBOVITCH – Ricardo
GLÓRIA PORTELA – Margô
FLOR VIOLETA – Imaculada
LUIZ ARMANDO QUEIRÓZ – Cândido
BETINA KOPP – Cristina
SHEYLLA GONÇALVES – Aninha
CHARLES MOELLER – Tadeu
MICAELA GÓES – Lili (Liliana)

A novela marcou o retorno da TV Bandeirantes na produção de novelas e, também, a introdução do estilo de gravação do cinema na produção de teledramaturgia.

Como exemplo dessas referências cinematográficas, a iluminação e o tom antinaturalista dados às cenas.

Último trabalho do ator Luís Carlos Arutin, que faleceu em 08/01/1996, alguns dias antes da novela terminar. Sua participação na trama já havia sido gravada. O ator morreu asfixiado em um incêndio em seu apartamento, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro.

Trilha Sonora
lobat1
01. CONTIGO APRENDI – Nico Rezende
02. LINDEZA – Gal Costa
03. TEMA DE AMOR – Marcus Viana (tema de abertura)
04. AS TIME GOES BY – Nilsson
05. FUTUROS AMANTES – Chico Buarque
06. CARENTE PROFISSIONAL – Marina Lima
07. MOÇO – Erasmo Carlos
08. CALIFORNIA DREAMING – José Feliciano
09. TUDO E NADA – Prêntice
10. SAUDADE – Renato Teixeira
11. DESPEDIDA – Marcus Viana
12. SABOR A MIM – Dalva de Oliveira

Trilha Sonora Instrumental: Marcus Viana
lobat2
01. TEMA DE AMOR
02. O FIM DAS COISAS
03. DESPEDIDA
04. A MARAVILHOSA SINFONIA DA VIDA
05. A ARTE DE VIVER
06. VALSA DOS SONHOS
07. ADÁGIO
08. IMACULADA
09. SOLIDÃO BLUES
10. MANHÃ DE SOL
11. PRELÚDIO
12. ABERTURA
13. TEMA DA PARTIDA

Veja também

  • campeao96_logo

O Campeão (1996)

  • perdidosdeamor_logo

Perdidos de Amor

  • serrasazuis_logo

Serras Azuis