Sinopse

Gabriela Fortes (Camila Morgado) é professora do Colégio Sapiência. Além de uma profissional apaixonada pelo que faz, é corajosa e traz com ela a jovem idealista do passado. Com o passar dos anos, o casamento com Paulo (Felipe Rocha) e três filhos para criar, Alex (Daniel Rangel), Flora (Jeniffer Oliveira) e Mel (Maria Rita), fizeram ela se tornar mais pragmática. Mas seu sonho de contribuir ainda mais com a educação dos adolescentes é prioridade. Nessa jornada, Gabriela tem um reencontro com Rafael (Carmo Dalla Vecchia), seu amor da juventude. Ele lidera a ONG Percurso, que, por meio de uma parceria, garantiu com que alunos carentes estudassem no colégio.

As duas turmas do primeiro ano do ensino médio do Colégio Sapiência trazem essa mistura entre alunos regulares e bolsistas. A turma A é composta pelos alunos Flora (Jeniffer Oliveira), Tito (Tom Karabachian), Jade (Yara Charry), Úrsula (Guilhermina Libanio) e os bolsistas Verena (Joana Borges), Érico (Gabriel Fuentes) e Michael (Pedro Vinícius). Já na turma B estão Alex (Daniel Rangel), Pérola (Rayssa Bratillieri), Felipe Kavaco (Gabriel Contente), Hugo (Leonardo Bittencourt) e os bolsistas Talíssia (Luellem de Castro), Leandro (Dhonata Augusto), Amanda (Pally Siqueira) e Maria Alice (Alice Milagres).

O reencontro com Rafael provoca um rebuliço na vida de Gabriela e desestabiliza ainda mais o casamento, já que Paulo não conterá seu ciúme ao ver a esposa mergulhada na missão que ela divide com Rafael de fazer os novos alunos se destacarem na escola.

Globo – 17h45
estreia: 7 de março de 2018

novela Patrícia Moretzsohn
baseada na série canadense 30 Vies
escrita com Chico Soares, Laura Rissin e Renata Dias Gomes
supervisão de texto de Daniel Ortiz
direção de Thiago Teitelroit, Giovanna Machline e Natália Warth
direção artística de Natália Grimberg

Temporada anterior
Viva a Diferença

CAMILA MORGADO – Gabriela Fortes
CARMO DALLA VECCHIA – Rafael Porto
FELIPE ROCHA – Paulo Fortes
DANIEL RANGEL – Alex
JENIFFER OLIVEIRA – Flora
MARIA RITA – Mel
RAYSSA BRATILLIERI – Pérola
ANA BEATRIZ NOGUEIRA – Isadora Mantovani
GUTA STRESSER – Rosália da Paz
ALICE MILAGRES – Maria Alice
LUIZ GUSTAVO – Heitor Laroche
TOM KARABACHIAN – Tito
GABRIEL FUENTES – Érico
ARLINDO LOPES – Getúlio Melo
YARA CHARRY – Jade Poitier
LEONARDO BITTENCOURT – Hugo Rabelo
JOANA BORGES – Verena
LETÍCIA ISNARD – Juliana Dias
PALLY SIQUEIRA – Amanda Garcia
GUILHERMINA LIBÂNIO – Úrsula Bartolomeu
LUELLEN DE CASTRO – Talíssia Costa
PEDRO VINÍCIUS – Michael Müller
GABRIEL CONTENTE – Felipe Kavaco
DHONATA AUGUSTO – Leandro de Jesus
ANDRÉ LUIZ FRAMBACH – Márcio Porto
PEDRO MAYA – Garoto
BUKASSA KABENGUELE – Marcelo da Conceição
MARIANA ARMELLINI – Brigitte Simões
JÚLIA MENDES – Marli
ANDRÉ LUIZ MIRANDA – Vinícius
a menina
MARIA ALICE GUEDES – Valentina (filha de Talíssia)
e
CRISTINA MULLINS – inspetora do colégio que avisa Pérola que ela deve ir para casa
DJHA MARTINS – senhora que conversa no ônibus com Maria Alice
EDSON CELULARI – Eduardo Mantovani (pai de Pérola, marido de Isadora, político que vai preso)
DANIEL DANTAS – Jairo Kavaco (pai de Felipe, marido de Melissa)
GUSTAVO OTONI – do conselho do Colégio Sapiência, conversa com Gabi sobre as bolsas para a ONG
MALU MADER – Melissa Kavaco (mãe de Felipe, mulher de Jairo)
ANA PAULA BOUZAS – Violeta Melo (mãe de Érico)
MARCELO ARGENTA – Breno (professor de História do colégio)

A história mergulha na vida de cada um de 17 alunos para tratar de questões como drogas, machismo, desemprego, idealização do corpo, racismo, assédio, intolerância religiosa, maternidade precoce, entre outros assuntos.

A autora Patrícia Moretzsohn destaca a inovação do formato desta temporada, que é inspirada na premiada série canadense 30 Vies.
“A cada quinze dias, vamos fundo na história pessoal de um adolescente da escola, fazendo com que ele ganhe um protagonismo temporário. Caberá à professora Gabriela (Camila Morgado) essa imersão em um drama em particular. Serão cerca de 25 histórias intercaladas com a base que é o arco principal, que envolve o núcleo da professora e seus três filhos. Nossa Malhação fala de vidas brasileiras e por isso abordaremos temas presentes no nosso dia a dia, sempre propondo uma discussão e mostrando os dois lados da história. As pessoas vão entender que por trás de cada um desses temas existe um ser humano.”, explicou Moretzsohn.

Para chegar aos 17 atores que dão vida aos alunos, a equipe da novela entrevistou quase 600 jovens durante seis meses. Eles vêm de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Amazonas, Espírito Santo, Minas Gerais, Pernambuco e Paraíba.
“Muitos personagens foram mudando conforme conhecíamos os atores. Interessava mais a essência do que o que ele fazia. Nada do que é do estereótipo nos interessa mais. Os atores usam seus próprios talentos. Quem toca, toca; quem canta, canta; e quem é de outras cidades vai se apresentar dessa forma na trama, sem disfarçar ou alterar o sotaque”, disse a diretora artística Natália Grimberg.

A cidade cenográfica, que reproduz ruas do bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro, tem uma área de 5.800m². Nela estão construídos o Colégio Sapiência, cuja sede é um casarão antigo do final do século 19, o bistrô Le Kebek, a ONG Percurso e dois cenários fixos: o apartamento da professora Gabriela (Camila Morgado), com 180m², e a quitinete de Érico (Gabriel Fuentes), com 50m².

Locações externas também servem de cenário para explorar as belezas naturais da cidade e dos bairros vizinhos, tais como: Mirante do Pasmado, Boulevard Olímpico, Fundação Casa de Rui Barbosa, Mureta da Urca, além das principais ruas de Botafogo, como a Voluntários da Pátria e a São Clemente.

Ações promovidas em parceria com a área de Responsabilidade Social da Globo serviram de inspiração para atores, produção e direção. No Dia da Educação, em dezembro de 2017, a equipe se reuniu para ouvir histórias de salas de aula contadas por educadores, alunos e diretores. A conversa, mediada por Leila Sterenberg, jornalista da GloboNews, teve o objetivo de inspirar a concepção dos personagens e aproximar ficção e realidade, e passou por temas como ensino alternativo, violência, as dificuldades enfrentadas pelo ensino público brasileiro e o amor pela função de professor.
A 9ª edição do Papus – metodologia de cocriação desenvolvida pelo Globo Universidade – promoveu um diálogo entre o elenco de Malhação e 16 jovens de diferentes origens e idades. Os participantes compartilharam histórias, sonhos, motivações, desafios e medos.
Já a quinta edição do Globo Lab foi dedicada ao programa. Durante três dias, vinte jovens talentos escolhidos em seis instituições de ensino e coletivos de comunicação do Rio de Janeiro e de São Paulo se reuniram para participar do laboratório de cocriação promovido pela Globo e gerar roteiros de vídeos para a campanha digital de lançamento do programa.

Tema de Abertura: PÕE FÉ QUE JÁ É – Arnaldo Antunes

Se você não tem medo
Se você não tem vergonha
Se você não tem segredo
Se você sonha

Se você tá feliz
Se você tá contente
Se você mete a cara
Se você mete o dente

Agora vai (4x)

Se você quer falar
Se pintou um assunto
Se você chega mais
Se você chega junto

Se o momento é preciso
O desejo é recíproco
O vento é propício
Passou do início

Agora vai (4x)

Põe fé que já é
Põe fé que já é, põe fé

Se o relógio parou
Se a moda mudou
Se o mundo acabou
Se o pior já passou

Se já era pra ser
Todo mundo sentiu
Se já deu para ver
Se já tá por um fio

Agora vai (4x)

Põe fé que já é
Põe fé que já é, põe fé…

Veja também

  • malhacao2000_logo

Malhação 2000

  • malhacao2008_logo

Malhação 2007-2008

  • malhacao2009

Malhação 2009