Sinopse

Na infância, nos anos 1980, Manuzita (Melissa Nóbrega) era a menina mais amada do Brasil. Quando os irmãos Guerreiro, João (João Bravo) e Jerônimo (Diogo Caruso), se juntaram a ela, a Patotinha Mágica virou sinônimo de sucesso e mania nacional. Porém, os anos de fama e reconhecimento ficaram no passado assim como o término do grupo.

Em 1990, João (Rafael Vitti) é universitário e comanda um programa de rádio para o público jovem. Já Manuzita (Isabelle Drummond), uma aspirante – com pouco talento – a atriz, segue em busca de trabalho e conta com o apoio incondicional da mãe coruja Lidiane (Cláudia Raia), ex-atriz de pornochanchada, espalhafatosa e muito sem noção.

Desde a infância, uma grande afinidade une Manu e João, o que sempre incomodou Jerônimo (Jesuíta Barbosa), que alimenta inveja e rivalidade contra o irmão e nunca abandonou o desejo de ser novamente famoso. De caráter duvidoso, Jerônimo luta para reviver os dias de glória. Uma personalidade muito diferente de Janaína (Dira Paes), a mãe dos rapazes, mulher íntegra que criou os filhos com dignidade.

Os caminhos de João, Manu e Jerônimo se cruzam novamente. Com o reencontro do trio, sentimentos que estavam adormecidos voltam à tona. O que vai revelar que os anos de afastamento de Manu e João não foram suficientes para apagar o amor e afinidade entre eles. Porém, a impedir esta união, está Jerônimo, capaz inclusive de incriminar o irmão em um assassinato que ele não cometeu.

Globo – 19h
de 29 de janeiro a 27 de julho de 2019
154 capítulos

novela de Izabel de Oliveira e Paula Amaral
escrita com Daisy Chaves, Isabel Muniz e João Brandão
direção de Ana Paula Guimarães, Diego Morais e Bia Coelho
direção geral de Marcelo Zambelli
direção artística de Jorge Fernando

Novela anterior no horário
O Tempo Não Para

Novela posterior
Bom Sucesso

RAFAEL VITTI – João Guerreiro / Manuel de Trás dos Montes
ISABELLE DRUMMOND – Manu / Manuzita (Manuela Renata Andrade)
JESUÍTA BARBOSA – Jerônimo Guerreiro / Rogê
DIRA PAES – Janaína Guerreiro
CLÁUDIA RAIA – Lidiane Andrade (Lidi Pantera)
HUMBERTO MARTINS – Herculano (Hércules, o Gatão)
CAMILA QUEIROZ – Vanessa
TOTIA MEIRELES – Mercedes Ferreira Lima
ALEXANDRE BORGES – Quinzão (Joaquim Ferreira Lima)
FLÁVIO TOLEZANI – Raimundo
CAIO PADUAN – Quinzinho
DANDARA MARIANA – Dandara
KLEBBER TOLEDO – Patrick
DÉBORA NASCIMENTO – Gisela
GABRIEL GODOY – Galdino / Adelaide / Andrea Moratti / Gertrudes
MARINA MOSCHEN – Larissa
SÉRGIO MALHEIROS – Diego
CLÁUDIA OHANA – Janice
VAL PERRÉ – Otoniel
MARCOS VERAS – Álamo
FABIANA KARLA – Madá / Freda Mercúrio
ÍCARO SILVA – Ticiano
GIOVANA CORDEIRO – Moana
KAYKY BRITO – Candé
BERNARDO MARINHO – Tobé
LUIZ HENRIQUE NOGUEIRA – Jofre (Cachorrão)
JENIFFER NASCIMENTO – Kika
MIGUEL RÔMULO – Sabrina
MARIA CAROL – Diana
MARCELO VALLE – Murilo Fraga
RENATA MOTTA LIMA – Vera Regina
LUCAS DOMSO – Figueirinha
ALEXANDRE DAVID – Floriano
MARÍLIA MARTINS – Dirce
ORLANDO CALDEIRA – Catraca
RENATA IMBRIANI – Marta
MARCELA SIQUEIRA – Tânia
ANDRÉ JUNQUEIRA – Lacerda
RICARDO MARTINS – Horácio
FELIPE LUHAN – Manjubinha
IVO GANDRA – Codorna
as crianças
DUDA WENDLING – Isadora
ALANA CABRAL – Clarissa
e
ADRIANO PETERMAN – diretor da Maremoto FM que demite João após o Plano Collor
ALÉSIO ABDON – Sérgio dos Santos (nordestino que Raimundo ajuda ao chegar ao Rio com sua mulher)
ALESSANDRA VERNEY – Tamara (ex-atriz de pornochanchada, amiga de Lidiane)
ALEXANDRE DAMASCENA – capanga que leva João até o Duque de Kiev para conversar
ALEXANDRE LINO – professor de Diego e Larissa quando eles fazem uma matéria juntos
ALEX TEIX – Henrique Fel (amigo de Herculano que o convidada para se juntar a ele em um projeto de cinema)
ANA ISABELA GODINHO – gerente de marketing da Golden Girl, para a qual Manu iria fazer uma campanha publicitária
ANDERSON LAU – investidor da Pop TV em um almoço com Rogê e Quinzinho
ANDERSON MELO – Serjão (segurança da boate Sibéria, tenta aplacar a fúria das fãs dos Tigres Siberianos)
ANDRÉ REIS como ele mesmo, produtor de elenco abordado por Lidiane em um bar
ANTÔNIO ALVES – comerciante, fala para João que não sabe de Jerônimo
ANTÔNIO CARLOS FEIO – Fernando (marinheiro do iate de Mercedes, fotografa Gisela e Herculano)
ARY COSLOV – Emílio Ribeiro (diretor do programa Patotinha Mágica, no primeiro capítulo)
BÁRBARA FRANÇA – Nicole Ferraz (apresentadora do Disk Pop TV, acaba assassinada)
BEL KUTNER – Celestine (dona da pousada onde Janaína trabalhava em Armação do Sul)
BERNARDO MENDES – Tutano (para quem Jerônimo deve dinheiro de jogo)
BETH LAMAS – Rosane (promoter, realiza um encontro na casa de Mercedes para as doadoras de uma enchente)
BETO VANDESTEEN – Inspetor Carvalho (prende João como suspeito do assassinato de Nicole)
BIJÚ MARTINS – PM Alvarez (revista Diego dentro de um ônibus de maneira preconceituosa e arbitrária)
BINHO BELTRÃO – Louro (comparsa de Tutano)
CÁSSIO PANDOLFI – juiz no julgamento de João
CHICO MELLO – homem que cobra uma dívida a Galdino quando Janaína chega no bar a sua procura
CHICO TERRAH – Onofre (fiscal sanitário subornado por Mercedes para obstruir a inauguração do restaurante de Janaína)
CHRIS MAYRINK – Maria Lúcia Amaral de Oliveira e Cruz da Motta Lima (socialite falida que auxilia Jerônimo na farsa do italiano Andreas Moratti)
CHRISTIAN LOCATELLI – Patrick (adolescente, assistindo a filmes de Lidi Pantera)
CIRILLO LUNA – Marco Aurélio (produtor musical que convida Dandara para uma turnê internacional)
CLÁUDIO AMADO – funcionário da Tele Vendão em sua inauguração
CLÁUDIO GALVAN – Luisão (amigo de Herculano que o convida para trabalhar em Portugal)
CLÁUDIO GARCIA – médico que informa Janaína que não há ambulância para a transferência de Jerônimo)
CLEITON MORAES – Vinícius Oliver (crítico gastronômico, convida Janaína para fazer o buffet da festa de Mercedes)
DANIEL BARCELLOS – Celso (um dos organizadores do Grande Prêmio TV)
DANIEL BAUERFELDT – dono da locadora de vídeos onde Herculano vai trabalhar
DANIEL DIAS DA SILVA – JP Arueira (prefeito da cidade de Corujinha, faz negócios com Jerônimo)
DANNI CARLOS – La Donna (cantora pop mundialmente famosa de passagem pelo Brasil)
DIOGO CARUSO – Jerônimo (criança)
DJHA MARTINS – Dona Tonha (funcionária do Sua Praia)
ÉLIDA MUNIZ – Andressa (namorada de Catraca)
EMÍLIO DANTAS – Beto Falcão (famoso cantor baiano de axé que faz um show)
EUNICE BRÁULIO – Dona Zulmira (mãe de Dirce)
FÁBIO GUARÁ – taxista em Angra que conduz Quinzinho até o hotel onde Dandara está hospedada
FELIPE HIPPERT – Christoph (namorado de Celestine em sua volta ao Brasil, no final)
FERNANDO BARCELOS – garçom na pizzaria do Baixo Gávea
FERNANDO RONCATO – Guto (amigo de colégio de Quinzinho, se encontram por acaso em um restaurante)
FRANCISCO FORTES – Jorge Fernando (diretor da novela Rainha da Sucata, que Manu participa)
GERSON LOBO – homem violento para quem Jerônimo perde nas cartas
GLÁUCIO GOMES – diretor da novela em que Manu fez figuração, no primeiro capítulo
GUILHERME GONZALEZ – assistente pessoal de La Donna
GUSTAVO OTONI – promotor no julgamento de João
IVAN GRADIM – Cerqueira (chefe da segurança do prefeito JP, de Corujinha)
JOÃO BRAVO – João (criança)
JORGE FERNANDO – Mendoncinha (diretor do novo filme de Lidi Pantera, no final)
JORGE GONÇALVES – garçom no hotel dos Ferreira Lima que atende Jerônimo
JOSÉ KARINI – promotor para quem Vanessa revela a verdade sobre o crime da Joatinga
JULIANE ARAÚJO – Luana Lyra (passista do Salgueiro, amante de Quinzão)
LANA GUELERO – Dona Odélia (proprietária da pensão onde Vanessa e Jerônimo se hospedam em diferentes momentos)
LIONEL FISCHER – Wladimir Munhoz (famoso diretor de teatro com quem Manu chega a trabalhar)
LUCAS MALVACINI – Edinho (barman da boate Dr. Spock)
LUCIANO PULLIG – delegado em Armação do Sul com quem Janaína conversa
LÚCIO ANDREY – preso marrento na mesma cela que João
LUIZ LOBO – revela a Herculano que seu projeto foi aprovado / entrega a Manu o prêmio de melhor apresentadora da TV
MABEL CÉZAR – juíza nas audiências do divórcio de Mercedes e Quinzão
MAKSIN OLIVEIRA – Mansur (locutor da Maremoto FM)
MARCELO AQUINO – Dr. Iunes Silva (advogado de Quinzão no divórcio de Mercedes)
MÁRCIO TADEU – porteiro no prédio onde moram os Ferreira Lima
MARCOS ACHER – Pavão (advogado de Raimundo)
MARCOS HOLANDA – Seu Calixto (na fila de um caixa eletrônico para sacar dinheiro antes do confisco)
MARCUS DIOLI – médico que atende Jerônimo em outro hospital
MARIAH ROCHA – Rafa Stor (VJ substituta de Nicole na Pop TV, depois é retirada para dar lugar a Vanessa)
MÁRIO FRIAS – Guilherme Augusto (ator principal do filme que Herculano está rodando em Armação do Sul)
MELISSA NÓBREGA – Manuzita (criança)
MURILO ALVES – Emer (cameraman de Naiara Cândido)
NÍVEA STELMANN – Sandra (atriz principal do filme que Herculano está rodando em Armação do Sul)
ORION XIMENES – Jarbas (motorista dos Ferreira Lima)
PAMELA COTO – Flavinha (vendedora da Top Wave)
PAULA FRASCARI – Naiara Cândido (repórter de um programa de TV sensacionalista)
PAULO CAMPINI – Silvio de Abreu (autor da novela Rainha da Sucata, que Manu participa)
PAULO CARVALHO – Dr. Macedo (advogado da família de Candé e Larissa que abandona o caso)
PEDRO GARCIA NETTO – Inspetor Lopes (prende João como suspeito do assassinato de Nicole)
PEDRO HENRIQUE LOPES – Ari (foi diretor do programa Patotinha Mágica, depois do Papo Cabeça e do Onda Cavada)
QUINHO DO SALGUEIRO como ele mesmo, canta à frente da bateria do Salgueiro na festa organizada por Quinzão
RAFAEL VACHAUD – elogia Dandara na rua por causa do outdoor em frente à Pop TV
RAMON GONÇALVES – policial federal que chega com Jerônimo dos EUA
RAPHAEL GHANEM – Marquinhos (cabeleireiro disputado por Mercedes e Lidiane)
REGINA GUTMAN – mulher que discute no avião com Lidiane
RÉGIS FARAH – Carlos (pai de Larissa e Candé)
RENATA GASPARIM – fã de Manu na porta do Projac
RICARDO CONTI – comenta em um bar, perto de João, sobre o assalto ao mercadinho
RICARDO VIANA – Magaiver (comparsa de Tutano)
RODRIGO CANDELOT – na reunião da Pop TV com Quinzinho e seus sócios
RODRIGO RANGEL – delegado que investiga a morte de Nicole Ferraz
RONAN HORTA – Maurício Medeiros (fotógrafo famoso com quem Lidiane tenta arranjar um ensaio para Manu)
RONI MARRUDA – policial federal que prende o Duque de Kiev
ROSE BRANT – Filippa (mãe de Larisa e Candé)
RUAN AGUIAR – rapaz que ajuda Galdino a enganar Álamo
RUBEN GABIRA – Eloina (drag-queen gerente e diretora dos shows da Galeria Sibéria)
SAULO RODRIGUES – Janjão (ator desempregado contratado por Figueirinha para se passar por Sérgio Marques)
SÉRGIO MONTE – Morvan (pedreiro contratado por Lidiane para fazer uma reforma no apartamento de Manu e João)
SÉRGIO STERN – padre do casamento de Larissa e Quinzinho, acaba realizando o casamento dele com Dandara
STEPHANIE SERRAT – Lena (namorada de Jerônimo, no final)
TALITA FEUSER – Carla (mulher de Guto)
TARCIANA SAAD – Drª Giovana (advogada que defende João da suspeita de assassinato de Nicole)
TONY RAMOS – dublou Figueirinha, quando ele finalmente fala
TARCÍSIO FILHO – Duque de Kiev (russo rico com quem Vanessa volta casada de Londres)
VALNEY AGUIAR – garçom que avisa Rogê que tem uma ligação para ele
VICTOR SÁVIO – Tim Maia (no show em que João vai com Manu e a pede em casamento)
VINÍCIUS MORENO – menino entrevistado na rua por Manu para o seu programa No Fusca com Manu
WAGNER BRANDI – pipoqueiro que conversa com João na praça de Corujinha
WANDERSON PETÃO – um dos PMs que prendem Diego e João na praia
YANA SARDENBERG – Katiely (sobrinha de Odélia, tem um rápido caso com Candé)
ZECA ASSUNÇÃO – carcereiro quando Candé é preso
ZEZEH BARBOSA – Mainha (mãe de Dandara e Patrick)
Ambrosina (empregada de Janaína)
Augusto (amigo de Herculano)
Carmem Alcântara (amiga com quem Mercedes tem um encontro na piscina do hotel)
Daysinha (esteticista disputada por Mercedes e Lidiane)
Dora (avisa João onde Magaiver está)
Fausto (advogado dos Ferreira Lima nas negociações da Pop TV)
Felipe (avalia o quadro de Lucas Ney para os Ferreira Lima e decreta que é falso)
Gisela (adolescente)
Jerônimo, no filme Bastidores do Patotinha Mágica
João, no filme Bastidores do Patotinha Mágica
José Eduardo (filho de Moana e Murilo Fraga)
José Lima Jr. (corretor de imóveis que mostra um apartamento para Dandara)
Juvenal (dá abrigo a Magaiver quando ele foge de João)
Kate (mulher americana de Herculano)
Maria (mulher de Sérgio dos Santos, casal de nordestinos que pede um prato de comida no restaurante de Raimundo)
Marina Mara (modelo que tem sua capa na Sexy Cat cancelada por Quinzão para dar a vez a Lidi Pantera)
Mauro (porteiro do prédio de Jerônimo)
Norminha (ex-namorada de Galdino que o reconhece quando ele está disfarçado de Andreas Moratti)
Raimundo (menino)
Rosana (cerimonialista que organiza o casamento de Quinzinho e Larissa)
Vasconcelos (repórter para quem Murilo entrega a fita com a gravação de Nicole para fazer uma matéria e incriminar João)
Vilmar (assistente de Horácio no hotel dos Ferreira Lima)
Vitinho (mecânico amigo de Lidiane que a ajuda a atrapalhar o namoro de Manu e João)
mãe de Raimundo

– núcleo de MANU (Melissa Nóbrega/Isabelle Drummond), quando criança, era mais conhecida como MANUZITA, estrela do grupo musical infantil Patotinha Mágica. Porém, ela cresceu e a fama ficou no passado. Hoje, luta para voltar ao estrelato, apesar de não ter talento algum. Desajeitada e impulsiva, tem o total apoio da mãe maluca e quase sempre acaba agindo pela cabeça dela, o que a mete em algumas confusões:
a mãe LIDIANE ANDRADE (Cláudia Raia), ex-atriz de pornochanchadas conhecida como LIDI PANTERA. Exuberante, espalhafatosa e muito sem noção, foi quem sempre apoiou a filha na época da Patotinha Mágica. Sonha em ver Manu brilhar novamente na carreira artística, por isso é capaz de tudo para promovê-la
o amigo JOFRE (Luiz Henrique Nogueira), fiel escudeiro de Lidiane, desde os tempos da Patotinha Mágica, quando se fantasiava como o ajudante de palco CACHORRÃO. Com o término da Patotinha, continuou com Lidiane e Manu, tentando driblar as enrascadas que mãe e filha se metem.

– núcleo da família Guerreiro:
a mãe JANAÍNA (Dira Paes), mulher batalhadora e ética. De origem humilde, criou os filhos sozinha. Sempre teve um pé atrás com a ideia dos filhos entrarem para a Patotinha Mágica. Respirou aliviada quando o grupo acabou. Cozinheira de mão cheia, sonha em ter o próprio negócio:
os filhos: JOÃO (João Bravo/Rafael Vitti), rapaz honesto e de bom caráter, valores que herdou da mãe. Quando criança, fez parte da Patotinha Mágica. Porém, os dias de glória ficaram no passado. Hoje, está mais interessado em levar sua vida. Reencontra Manu, seu amor de infância, e o namoro dos dois intensifica a inveja do irmão, com quem sempre disputou a garota,
e JERÔNIMO (Diogo Caruso/Jesuíta Barbosa), muito diferente da mãe e do irmão, é mau-caráter, capaz de tudo para alcançar seus objetivos. Sempre teve inveja do brilho de João, desde a Patotinha Mágica. Sonha em ser rico e reconquistar a fama. Por meio de golpes, vai embora para o Rio de Janeiro, onde se une a gente rica se passando por milionário, com o pseudônimo ROGÊ. Para se livrar do irmão – o que deixa o caminho livre para que conquiste Manu -, o incrimina em um assassinato.

– núcleo da família Ferreira Lima, dona do hotel Queen Palace e do canal de TV a cabo Pop TV, destinado ao público jovem:
a matriarca MERCEDES (Totia Meireles), mulher dominadora e arrogante, controla a vida dos filhos e os negócios da família. Faz vista grossa para as infidelidades do marido e é do tipo que atropela quem cruzar o seu caminho
o marido de Mercedes, QUINZÃO (Alexandre Borges), dominado por ela. Tipo abobalhado, fanfarrão e mulherengo, vai apaixonar-se por Lidiane, de quem é fã dos tempos em que ela era estrela de pornochanchadas
os filhos: QUINZINHO (Caio Paduan), playboy, puxou do pai a veia de conquistador e da mãe o tino para os negócios. É um dos sócios do canal Pop TV. Noivo de uma moça da sociedade, vai se apaixonar loucamente por uma dançarina de lambada,
e GISELA (Débora Nascimento), linda, frágil e insegura, responsabiliza a mãe pelos seus problemas. Costuma dar escândalos, para desespero da família. Tem problemas com bebida, um dos motivos que fizeram com que seu casamento fracassasse. Mãe um tanto quanto relapsa, tenta a todo custo manter o casamento
a filha de Gisela, ISADORA (Duda Wendling), tem mais maturidade que a mãe
o segurança FIGUEIRINHA (Lucas Domso), espécie de capanga de Mercedes, sujeito misterioso e calado. Fiel, está sempre a postos para atender as ordens da patroa
a empregada MARTA (Renata Imbriani)
a babá de Isadora, TÂNIA (Marcela Siqueira).

– núcleo de HERCULANO (Humberto Martins), pai de Isadora e marido de Gisela, com quem vive um casamento em crise. Ex-ator de pornochanchadas, sente vergonha do passado e da época em que formava dupla com Lidi Pantera. Determinado e correto, quer se firmar como diretor de cinema respeitado e está empenhado em produzir seu primeiro longa. Apaixona-se por Janaína quando a conhece:
a irmã DIANA (Maria Carol), moça alto-astral, de estilo hippie
a assistente KIKA (Jeniffer Nascimento), melhor amiga de Manu. Trabalha como produtora em seu filme, é uma espécie de “faz-tudo”.

– núcleo dos “pilantras”, trapaceiros comandados por Jerônimo:
VANESSA (Camila Queiroz), bela, interesseira e ardilosa. Alpinista social, não mede esforços para subir na vida e frequentar as altas rodas. Ao lado de Jerônimo, de quem é cúmplice e amante, vai formar uma dupla inescrupulosa
GALDINO (Gabriel Godoy), malandro, vive de bicos e topa qualquer coisa por dinheiro. Faz o trabalho sujo para Jerônimo, o que o leva, muitas vezes, a chantageá-lo.

– núcleo de RAIMUNDO (Flávio Tolezani), nordestino trabalhador, de origem humilde. Hoje bem-sucedido, é dono do restaurante Baião de Dois, famoso em Ipanema, especializado em comida nordestina. Apaixona-se por Janaína, disputando-a com Herculano. Ajuda Janaína em seu sonho de ter um restaurante próprio:
o maître LACERDA (André Junqueira), seu braço-direito no restaurante.

– núcleo de CANDÉ (Kayky Brito), um dos sócios de Quinzinho, seu amigo de farras, na Pop TV. De família abastada, é um playboy que está sempre metido com belas garotas e em muitas brigas:
a irmã LARISSA (Marina Moschen), noiva de Quinzinho, nem desconfia que ele a trai com qualquer garota. Rica, frequenta as altas rodas, mas não é fútil ou deslumbrada. Romântica, doce e de bom caráter, é muito diferente do irmão e do noivo. Torna-se um alvo fácil para Vanessa, que se aproxima dela por interesse, se passando por amiga
o amigo TOBÉ (Bernardo Marinho), também sócio da Pop TV. Forma com Candé e Quinzinho um trio inseparável. Pouco inteligente, abobalhado e sem noção, não consegue fisgar as garotas, diferente de seus amigos.

– núcleo de DANDARA (Dandara Mariana), bela jovem baiana, dançarina e professora de lambada, vai ficar muito famosa graças ao seu carisma e talento. Encanta Quinzinho com seu molejo, o que o deixa completamente apaixonado:
o meio-irmão PATRICK (Klebber Toledo), tímido, gago e um tanto ingênuo. Eletricista belo e musculoso, chama a atenção das mulheres. Lidiane fica enlouquecida por ele e os dois começam um tórrido romance
o cantor baiano de lambada TICIANO (Ícaro Silva), que forma uma dupla de sucesso com a dançarina Dandara.

– núcleo de ÁLAMO (Marcos Veras), foi surfista e hoje tem uma fabriqueta de camisetas. Viajandão, sempre tem ideias mirabolantes. Lança a grife de camisetas Top Wave, firmando uma parceria para anunciá-la na Pop TV:
a mulher MADÁ (Fabiana Karla), esotérica, sensitiva e vidente. Tem visões do futuro e vai ganhar fama com a personagem FREDA MERCÚRIO em um programa na Pop TV
o amigo FLORIANO (Alexandre David), trabalha em sua confecção
a funcionária da confecção DIRCE (Marília Martins), amiga de Janaína.

– núcleo de JANICE (Cláudia Ohana), irmã e confidente de Janaína. Trabalha na confecção de Álamo. Recebe a irmã quando ela se muda para o Rio de Janeiro:
o marido OTONIEL (Val Perré), homem bom e trabalhador, garçom no restaurante de Raimundo
os filhos: DIEGO (Sérgio Malheiros), jovem advogado recém-formado, honesto e trabalhador. Apaixona-se pela patricinha Larissa, mas a diferença social dificulta a relação,
e CLARISSA (Alana Cabral), menina espevitada e alegre
o amigo de Diego, CATRACA (Orlando Caldeira), sujeito boa-praça.

– núcleo do jornal Notícias Cariocas:
a jornalista e repórter MOANA (Giovana Cordeiro), foi namorada de João e hoje são só amigos, apesar de ela ainda ter uma queda por ele. Causa ciúmes em Manu
o repórter e apresentador de TV MURILO FRAGA (Marcelo Valle), sensacionalista, não liga muito para a ética da profissão e está sempre atrás de grandes furos
o fotógrafo e cinegrafista CODORNA (Ivo Gandra).

– demais personagens:
SABRINA (Miguel Rômulo), drag-queen e hostess na boate Sibéria, onde João, Patrick e Candé se apresentam mascarados como os Tigres Siberianos. Tem uma quedinha por Candé
VERA REGINA (Renata Motta Lima), secretária da Pop TV, eficiente e responsável
MANJUBINHA (Felippe Luhan), assistente administrativo e office-boy na Pop TV
HORÁCIO (Ricardo Martins), gerente do hotel Queen Palace, de propriedade da família Ferreira Lima.

Com Verão 90, as autoras Izabel de Oliveira e Paula Amaral levantaram a moral do horário das sete, combalida pelas últimas produções (O Tempo Não Para e Deus Salve o Rei). Foi notável como a novela pegou a audiência da faixa em forte crise e conseguiu, ao longo dos meses, aumentá-la levando a excelentes patamares em sua reta final. A média geral no Ibope da Grande São Paulo foi 26 pontos.

Como um perfeito veículo de escapismo, a novela agradou o público menos exigente, que só estava interessado em fechar os olhos para a realidade e desopilar do dia a dia, cumprindo com louvor o seu papel: apenas entreter. Foi inegável o seu forte apelo ao tentar atingir a nostalgia do público. A proposta era a comédia nonsense sobre a década de 1990, com a retratação pitoresca da cultura efervescente da época, a música e moda, e pinceladas em acontecimentos sociais e políticos.

Porém, a novela exagerou na liberdade criativa e descuidou da história. Tudo soou superficial, do texto, primário, à trama, sem rumo, às interpretações, caricatas, e à pesquisa de época, repleta de erros cronológicos (de ambientação, trilha sonora, cenários, figurinos, caracterizações e produção de arte).

A princípio, a história parecia uma cópia deslavada da novela Vale Tudo disfarçada de “homenagem”. No fim, ficou só parecendo uma paródia involuntária de Vale Tudo.
Na falta de um fio condutor potente, a trama de Verão 90 deu voltas sobre si. Ainda que de forma competente: as autoras foram hábeis em criar situações episódicas para que a novela não caísse na “barriga” (momento na trama em que nada acontece). Assim, Mainha – a ótima personagem de Zezeh Barbosa, em uma participação – recheou a novela por um tempo, como se fosse um episódio livre da “série” Verão 90. Da mesma forma, outros episódios foram sendo criados, como o dos potes de doce de leite encontrados na praia – quem comia o doce de leite ficava “doidão” (alusão ao Verão da Lata, como ficou conhecido o fato de centenas de latas com maconha terem sido encontradas no litoral paulista no verão de 1987).
Assim, ficou escancarado que a trama central não era forte o suficiente para render uma novela de no mínimo seis meses. Não houve barriga, mas sobrou enrolação em uma história sem muito para contar.

Por ser uma produção que se vendeu “de época”, a pesquisa deveria ter sido, no mínimo, mais cuidadosa. Além das citações a fatos e cultura pop da década de 1990, a pesquisa segurou-se muito nas músicas – ainda que a cronologia não fosse respeitada e a trilha sonora abrangesse um leque bem maior, que ia de músicas do início da década de 1970 até o final da de 1990, extrapolando o tempo da narrativa. No mais, quase nada em Verão 90 remeteu aos anos 1990: dos cenários e caracterizações (cabelos, maquiagem, figurinos e moda) a gírias, ambientações e reprodução de época.

Não faltaram críticas ao elenco. Vários atores assumiram perfis “abobalhados” ou infantis, como Isabelle Drummond, Cláudia Raia, Humberto Martins (que, inclusive, pediu afastamento da novela na metade, alegando problemas de saúde), Klebber Toledo, Bernardo Marinho e Alexandre Borges (encarnando o mesmo tipo abobalhado já visto em trabalhos anteriores). Ainda: Totia Meirelles, exagerada como vilã de novela mexicana, e Cláudia Raia, em uma imitação over da atriz Carmem Verônica. Jesuíta Barbosa foi outro muito criticado: de seu personagem sisudo, o mau-caráter Jerônimo, o máximo que o ator conseguiu passar foi a impressão de estar atuando de má vontade.

No mais, ótimos trabalhos de Dandara Mariana (carismática, esfuziante) e Gabriel Godoy e Ícaro Silva, sempre muito versáteis. As autoras da novela souberam aproveitá-los bem.

A novela também criou boas metalinguagens, como as representações de Silvio de Abreu e Jorge Fernando na escalação da novela Rainha de Sucata (para a qual Manu se candidatou) e as reproduções de cenas icônicas da televisão por Manu e João (como Viúva Porcina e Sinhozinho Malta, de Roque Santeiro, e a cena do café da manhã de Guerra dos Sexos).

A primeira fase da história (primeiro capítulo), mostrou os protagonistas crianças como membros de um grupo infantil musical com programa de televisão – a fictícia Patotinha Magica – que fez sucesso nos anos 1980 – uma referência à Turma do Balão Mágico. Na fase definitiva, a tentativa da atrapalhada Manu (Isabelle Drummond), já adulta, em manter-se na carreira artística, se relançando como cantora ou atriz, e voltar aos anos de glória, lembrava a série da Netflix Samantha! (2018), protagonizada por Emanuelle Araújo, cuja personagem, com perfil semelhante, passava pela mesma situação.

As gravações começaram no final de setembro de 2018 pelas praias da Região dos Lagos, no Rio de Janeiro. Primeiro em Saquarema, onde foram gravadas as cenas de Janaína (Dira Paes) com os filhos ainda pequenos. No início da trama, a família Guerreiro vivia na cidade antes da mudança para a capital fluminense, quando as crianças passaram a integrar o grupo Patotinha Mágica.
A segunda parada foi em Arraial do Cabo. O Mirante do Pontal do Atalaia foi uma das locações escolhidas para cenas do casal Manu e João (Isabelle Drummond e Rafael Vitti). Em seguida, Cabo Frio, com gravações no centro, especialmente no bairro da Passagem. A Ilha do Japonês, a Praia do Forte e a Praia das Dunas encerraram a temporada em novembro de 2018.

Pela primeira vez em aberturas de novelas da Globo, foram creditados os responsáveis por direção de fotografia (Paulo Brakarz), cenografia (José Cláudio Ferreira e Eliane Heringer), produção de arte (Luiz Pereira), figurino (Marília Carneiro), casting (Yolanda Rodrigues) e produção (Mariana Pinheiro).

Entre os vários “deslizes” de Verão 90, um ganhou destaque na mídia: uma fala de Lidiane, personagem de Cláudia Raia, exibida no capítulo do dia 13/06/2019. A novela sempre citou programas da grade da Globo da década de 1990. Neste dia, Lidiane disse que queria assistir à novela Fera Ferida, “de Glória Perez”, quando, na verdade, os autores são Aguinaldo Silva, Ricardo Linhares e Ana Maria Mortezsohn. De acordo com o apurado por Maurício Stycer em seu blog no UOL, o erro não estava no roteiro: foi uma “caco” da atriz na fala de sua personagem, na hora de gravar. Curioso que ninguém da direção ou produção corrigiu Cláudia Raia e o erro foi ao ar assim mesmo.

Sete meses após o término da novela Segundo Sol, a produção de Verão 90 promoveu um criativo crossover: o retorno de Beto Falcão, protagonista de Segundo Sol – vivido por Emílio Dantas, em uma participação, mesmo depois de ter abandonado o personagem. Como na trama dessa novela Beto havia sido um cantor famoso na década de 1990, ele apareceu em Verão 90 fazendo um show. As cenas foram ao ar em junho de 2019.

O ator Tony Ramos fez uma participação especial curiosa: dublou a voz do personagem Figueirinha, vivido pelo ator Lucas Domso, o segurança de Mercedes (Totia Meirelles) que passou a novela inteira calado e resolveu falar no final.

No decorrer da novela, foram exibidos trechos reais de programas da TV Globo como parte do contexto histórico da época: pronunciamentos do então presidente Fernando Collor de Mello (em sua posse, em 1990) e da ministra Zélia Cardoso de Mello (no confisco das cadernetas de poupança, em 1990), os apresentadores Fausto Silva (no Domingão do Faustão), Fátima Bernardes, William Bonner, Cid Moreira, Sérgio Chapelin e Lilian Witte Fibe (nos jornais Nacional, Hoje e da Globo), os atores Tony Ramos e Regina Duarte (na novela Rainha da Sucata), Betty Faria e Joana Fomm (em Tieta) e João Vitti (em Despedida de Solteiro), e os jogadores de futebol, comentaristas e jornalistas Zagallo, Pelé, Galvão Bueno, Taffarel, Dunga, Romário, Bebeto e Márcio Santos, durante a transmissão da Copa do Mundo dos EUA, de 1994.

Ao som da música “Pump Up the Jam” – do grupo Technotronic, sucesso da eurodance no início da década de 1990 -, a abertura da novela causou frisson, repleta de referências da época: coreografia dos videoclipes de “Lambada (Chorando se Foi)”, do grupo Kaoma, “Macarena”, da dupla Los Del Río, e “Smells Like Teen Spirit”, da banda Nirvana, e de boybands como New Kids on the Block e Backstreet Boys, programas de TV como o Pião da Casa Própria (quadro do programa de Silvio Santos), o seriado S.O.S. Malibu e as novelas Pedra sobre Pedra e Roda de Fogo, patins de quatro rodas, mola maluca, banana boat, jet-ski, óleo bronzeador, fliperama, videogame Jogos de Verão Master System, televisão de tubo, fita VHS, CD e discman, telefone sem fio do tipo “tijolão”, faca Ginsu, bijuterias de plástico, pochete, maiôs “asa delta”, viseiras, calças baggy, roupas de vinil e a febre da ginástica aeróbica. Todas as danças mostradas na abertura foram criadas pelo coreógrafo Júlio Molina.

Anos Incríveis foi o título de trabalho da novela, impossível por já estar registrado como nome brasileiro de uma série americana (The Wonder Years). Passou então a ser chamada de Verão 90 Graus e, finalmente, Verão 90.

Trilha Sonora volume 1

01. PUMP UP THE JAM – Technotronic (tema de abertura)
02. SALVE SIMPATIA – Jorge Benjor
03. ACELEROU – Djavan
04. TODA FORMA DE AMOR – Lulu Santos
05. PRETA – Beto Barbosa (tema de Dandara e Quinzinho)
06. YOUR LOVE – The Outfield
07. UMA NOITE E MEIA – Marina Lima (participação de Renato Rocketh) (tema de Jerônimo e Vanessa)
08. DO LEME AO PONTAL – Tim Maia (tema de Manu)
09. THE BEST – Tina Turner
10. MENINO DO RIO – Baby Consuelo (tema de João)
11. ZANZIBAR (AS CORES) – A Cor do Som
12. FREAK LE BOOM BOOM – Gretchen (tema de Lidiane)
13. GOOD VIBRATIONS – Marky Mark and The Funky Bunch
14. RIO 40 GRAUS – Fernanda Abreu
15. A LEVEZA DO AMOR – Melissa Nóbrega (tema de Manu)

Trilha Sonora volume 2

01. SAIDEIRA – Skank (tema de Galdino)
02. FLORES – Titãs
03. NÓS VAMOS INVADIR SUA PRAIA – Ultraje a Rigor
04. ÓCULOS – Os Paralamas do Sucesso
05. OLHOS COLORIDOS – Sandra de Sá (tema de Diego e Larissa)
06. PLEASE DON´T GO – Double You
07. STEP BY STEP – New Kids on the Block
08. IT MUST´VE BEEN LOVE – Roxette (tema de Jerônimo e Manu)
09. ESOTÉRICO – Gilberto Gil (tema de Madá)
10. AS CANÇÕES QUE VOCÊ FEZ PRA MIM – Maria Bethânia (tema de Janaína e Herculano)
11. BEM QUE SE QUIS (E PO CHE VA) [ao vivo] – Marisa Monte (tema de Janaína e Raimundo)
12. VOCÊ – Tim Maia (tema de Manu e João)
13. REPETITION – Information Society
14. THE RHYTHM OF THE NIGHT – Corona

ainda:
2 BECOME 1 – Spice Girls
BOY (WHY YOU WANNA MAKE ME BLUE) – Deborah Blando
FADING LIKE A FLOWER – Roxette
GRAND HOTEL – Kid Abelha
JOYRIDE – Roxette
MANIA DE VOCÊ – Rita Lee
ME CHAMA QUE EU VOU – Sidney Magal
O AMOR E O PODER – Rosana (tema de Lidiane e Patrick)
PARTIDO ALTO – Cássia Eller
PRO DIA NASCER FELIZ – Barão Vermelho
SCATMAN (SKI-BA-BOP-BA-DOP-BOP) – Scatman John
SPENDING MY TIME – Roxette
THE LOOK – Roxette
UNBELIEVABLE – EMF
WHAT´S ON YOUR MIND – Information Society
WIPE OUT – The Surfaris
YOUR SONG – Elton John

Trilha Sonora Instrumental: músicas de Mú Carvalho e Marcio Lomiranda

01. 60’S 7 Moo
02. A Correnteza 2 Moo
03. Baiao De Dois Moo
04. Baiao De Dois Moo (Slow)
05. Beijo Roubado Slow Moo
06. Chase 3 Moo
07. Chase 8 Moo
08. Drama Beijo Roubado Moo
09. Drama Novela Moo
10. Drama V90 Moo
11. Emotiva 4 Gtr Moo
12. Emotiva 8 Leslie Moo
13. Emotiva 15 Moo
14. Outubro Triste
15. Eng 1 V90 Moo
16. Eng 2 V90 Moo (Vazia)
17. Eng 2 V90 Moo
18. Eng 3 V90 Moo
19. Eng 4 V90 Moo
20. Eng 4 V90 Moo (Vazia)
21. Eng 5 V90 Moo
22. Eng 5 V90 Moo (Vazia)
23. Eng 6 V90 Moo
24. Eng 7 V90 Moo
25. Eng 8 V90 Moo
26. Eng 10 V90 Moo
27. Feliz V90 Moo
28. Flower Power Moo
29. Mada Exotérica Moo
30. Manuzita 1 Moo
31. Manuzitriste V90 Moo
32. Melancolico 1 V90 Moo
33. Minimalista 2 Moo
34. Misterioso V90 Moo
35. Suspense No Rio
36. Nervoso 2 Moo
37. Nervoso 3 Moo
38. Nervoso Moo
39. Quem Tem Um Amigo (Romântico)
40. Romantico 3 V90 Moo
41. Leveza Do Amor (Romântico)
42. Romantico Novela Emotiva
43. Romanticona 90
44. Suscomico Fuckin Boots Moo
45. Susp Leve 1 V90
46. Susp Leve 2 V90
47. Susp Leve 3 V90
48. Susp Leve 4 V90
49. Susp Leve 5 V90
50. Tenso Deep 3 Moo
51. Tenso Forca Moo
52. Tenso Mov 1 V90 Moo
53. Tenso Mov 2 V90 Moo
54. Verão Tenso Anos 90
55. Verão Tenso No Rio 2
56. Supertensa 90 Graus
57. Triste 1 V90 Moo
58. Triste 4 V90 Moo
59. Triste 5 V90
60. Triste 6 V90
61. Triste 7 V90
62. V90 Funky 1 Moo
63. V90 Funky 2 Moo
64. V90 Hardcore 1 Moo
65. V90 Hardcore 2 Moo
66. V90 Hardcore 3 Moo
67. Veneno Mercedes
68. Western Moo
69. Lambada Em Cuba

Trilha Sonora Complementar: Patotinha Mágica

01. A LEVEZA DO AMOR – Melissa Nóbrega
02. QUEM TEM UM AMIGO – Patotinha Mágica
03. É SÓ ALEGRIA – Patotinha Mágica
04. A LEVEZA DO AMOR (instrumental) – Mu Carvalho
05. QUEM TEM UM AMIGO (instrumental) – Mu Carvalho
06. É SÓ ALEGRIA (instrumental) – Mu Carvalho

Tema de Abertura: PUMP UP THE JAM – Technotronic

Pump up the jam, pump it up
While you feet are stompin’
And the jam is pumpin’
Look at here the crowd is jumpin’
Pump it up a little more
Get the party going on the dance floor
Seek us that’s where the party’s at
And you’ll find out if you’re too bad

I don’t want a place to stay
Get your booty on the floor tonight
Make my day!…

Pump up the jam…
Pump it, pump it, pump it…

Veja também

  • temposmodernos_logo

Tempos Modernos

  • insensatocoracao_logo

Insensato Coração

  • cheiasdecharme_logo

Cheias de Charme

  • geracaobrasil_logo

Geração Brasil